Depois de Covid em CC de Rubens, Câmara pede orientação à Saúde - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Vereador decidiu ficar em isolamento - Foto: Divulgação

Depois de Covid em CC de Rubens, Câmara pede orientação à Saúde

Rubens Otávio foi criticado por ter participado da Sessão da última terça. Ele alega que ficou sabendo do resultado do exame da assessora depois do início da Sessão

Cachoeirinha – A Câmara de Vereadores de Cachoeirinha está avaliando quais medidas irá adotar depois de uma servidora ser diagnosticada com Covid-19. Ela é assessora do vereador Rubens Otávio, pré-candidato a prefeito pelo PSL. Na página do partido foram postadas, no último dia 3, fotos de uma atividade na qual não foram respeitadas regras de distanciamento social e o parlamentar aparece abraçado, sem máscara, posando para fotos.

O caso positivo da mulher que estava na atividade foi noticiado pelo site oreporter.net , sem revelar seu nome, minutos depois de ter sido iniciada a Sessão da última terça-feira (12) e o vereador só oficializou para os colegas que ela havia contraído a doença uma hora e nove minutos após. Depois da publicação da matéria, o post e fotos foram apagados da página do PSL.

O vereador comunicou o caso positivado quando estava na Tribuna. Depois de começar a falar no hospital de campanha interrompeu o assunto para dizer: “…eu quero esclarecer ao senhores, que na verdade foi confirmada a questão da Covid-19 da servidora dessa casa. Confirmada. Não é suspeita, é confirmação, certo, assim como foi confirmado também a Covid-19 do senhor vice-prefeito. “ Logo em seguida, o parlamentar subiu o tom de voz para criticar a notícia afirmando que o PSB também realizou uma atividade.

Conforme a assessoria de imprensa do Legislativo, orientações de quais procedimentos devem ser adotados foram solicitadas para a secretaria municipal da Saúde.  “A resolução 11/2020 vence no sábado. Segunda-feira a Mesa Diretora vai avaliar as orientações que pediu para a SMS sobre o procedimento a se adotar, visto que a assessora do vereador Rubens esteve na casa”, diz a nota.

O presidente da Câmara, Edison Cordeiro, não atendeu a reportagem. Ele, contudo, concedeu entrevista ao site GauchaZH e informou que as Sessões estão suspensas até a higienização de todos os setores e que testes para Covid-19 foram solicitados para todos que estiveram na Sessão. “ …tanto vereadores, quanto assessores e servidores em geral”, disse o presidente na matéria publicada no início da tarde. Testes para ativistas de redes sociais, que circularam livremente por várias dependências da Câmara, desde à tarde, inclusive no Plenário, não foram citados.

Apesar destas medidas informadas pelo presidente ao site da capital, pela manhã ele havia autorizado a retomada das reuniões das comissões. Rubens Otávio é o presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Infraestrutura Urbana e não compareceu. O vereador Manoel D’Ávila apenas comunicou que ele estava ausente devido a questões particulares, sem entrar em detalhes.

Rubens Otávio disse ao oreporter.net no final da tarde desta quinta que ficou sabendo do caso positivo apenas depois do início da Sessão e que respondeu a mensagem por volta das 18h20min. O secretário da Saúde, Dyego Matielo, conta que foi tentado um contato na segunda, sem sucesso. Já na terça-feira foi enviada uma mensagem às 15h22min e ela foi lida às 18h15min, quatro minutos depois do início da Sessão, confirmando a versão de Rubens. “Eu estava envolvido com a coletiva [para ativistas de redes sociais] e depois me preparando para a Sessão da CPI. Quando eu vi a mensagem, respondi. Vou ficar em isolamento e não tenho nenhum sintoma”, garantiu.

Segundo Matielo, o isolamento é obrigatório apenas para quem apresenta sintomas gripais. “Nos demais casos, como de contato com positivados, o isolamento deve acontecer por bom senso”, frisou. A Vigilância Epidemiológica tem uma lista de nomes de quem esteve no evento do PSL e quem ainda não recebeu um contato deve telefonar para o setor para receber orientações e passar a ser monitorado.

Brinaldo critica Rubens Otávio

O vereador Brinaldo Mesquita, 68 anos, está no grupo de risco da Covid-19. Ele teve um infarto em março, tem diabetes e é hipertenso. Na terça chegou a ter uma elevação na pressão, foi na UPA mas acabou indo em casa, já que precisava tomar uma medicação, retornando em seguida para a Sessão. Brinaldo lamentou o fato de Rubens Otávio não ter dado uma atenção maior para o caso da assessora, já que teve contato com ela.

“É o fim da picada. Tem que respeitar o ser humano. Eu tive a alta na pressão e ele ainda disse que eu podia sentar ao lado dele porque não seria contaminado. Nós, como homens públicos, precisamos dar o exemplo. Estou bem ciente que se eu pegar pode ser fatal. Não podemos colocar a política acima da vida das pessoas”, disse. Para Brinaldo, o ex-colega de partido deveria ter se ausentado da Sessão.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.