Vacinação contra o sarampo começa no próximo dia 10 - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
O Dia D de vacinação ocorrerá dia 15- Foto: Arquivo/oreporter.net

Vacinação contra o sarampo começa no próximo dia 10

A primeira etapa da vacinação ocorre a partir de 10 de fevereiro nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégia de Saúde da Família (ESF)

Cachoeirinha –  O município de Cachoeirinha, através da Secretaria de Saúde, informa que começa no dia 10 de fevereiro a primeira etapa da Campanha contra o Sarampo 2020. O público-alvo são pessoas de 5 a 19 anos, que ainda não foram vacinadas ou que tem alguma dose faltando.

A campanha vai até 13 de março e é possível se vacinar em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Estratégias de Saúde da Família (ESFs), exceto  UBS Nova Cachoeirinha, UBS 12h Odil Silva de Oliveira e UBS Getúlio Vargas.

O secretário de Saúde, Dyego Matielo, enfatiza a importância da população se vacinar contra o sarampo. “Mesmo quem já se vacinou, mas está na faixa etária da campanha, pedimos que vá até as unidades de saúde para fazer o controle vacinal”. Na faixa etária de 5 a 19 anos, a indicação é de duas doses, então será avaliado caso a caso, se o paciente já tomou alguma dose e se é necessário mais uma dose. A segunda dose da vacina pode ser tomada em um intervalo mínimo de 30 dias.

O Dia D da vacinação contra o sarampo será 15 de fevereiro, sábado, em que a população encontrará as unidades de saúde abertas, exceto a UBS Nova Cachoeirinha, UBS 12h Odil Silva de Oliveira, UBS Getúlio Vargas e a ESF Otacílio Silveira. A meta da campanha é vacinar 95% da população na faixa etária do público-alvo. Em 2019, a cobertura vacinal ficou em 85%.

A enfermeira do Núcleo de Doenças Transmissíveis, Gisele Tertuliano, avisa que as unidades que vacinarão contra o sarampo também oferecerão no mesmo período as vacinas contra o HPV e a febre amarela. “No caso da vacina contra o HPV, a faixa etária está incluída no público-alvo do sarampo, que é de 9 a 14 anos para meninas e de 11 a 14 anos para meninos. E a da febre amarela é aberta ao público que ainda não foi vacinado”, explica Gisele.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.