Trabalhadores da Educação de Gravataí começam a ser vacinados nesta quinta - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
A vacinação começa nesta quinta - Foto: Divulgação/PMG

Trabalhadores da Educação de Gravataí começam a ser vacinados nesta quinta

Informação foi dada no final da tarde desta terça-feira, em live no Facebook da Prefeitura

Gravataí – O prefeito de Gravataí, Luiz Zaffalon, o Zaffa, anunciou no início da noite desta terça-feira(11), a vacinação dos trabalhadores da educação, dos três níveis de ensino, a partir de quinta-feira (13). A decisão da Prefeitura se deu após a Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) ter recomendado o avanço dos municípios no calendário de vacinação para atingir os trabalhadores da educação. Durante esta quarta-feira, o secretário da Saúde de Gravataí, Régis Fonseca, informará os detalhes de como se dará a imunização desses profissionais.

“A vacinação dos trabalhadores da educação é objeto de segurança para a comunidade escolar, e com isso melhoramos o processo de volta às aulas”, afirmou o prefeito Zaffa. O prefeito também antecipou que o cronograma seguirá com a vacinação dos demais públicos previstos no Plano Nacional de Imunização (PNI). “É uma grande notícia para a comunidade escolar, para os profissionais de todas as redes de ensino do município.”

Publicidade

O fato de o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) julgar ação em primeira instância e liberar Esteio para manter a antecipação da vacinação de seus profissionais da educação foi decisivo. O entendimento da Justiça é de que o município não infringiu a lei ao antecipar um grupo que já era tido como prioritário no Plano Nacional de Imunização. Outro fator positivo é Gravataí já estar vacinando pessoas com comorbidades a partir de 40 anos de idade, sem atrasos e em conformidade com o que está regulamentado na última CIB (Comissão Intergestores Bipartite).

Conforme o secretário Régis, Gravataí teria condições de vacinar até três mil pessoas por dia, nas 29 salas de vacinação, desde que o Estado repassasse o número de doses para isso. “Era o que gostaríamos de estar vacinando, mas existem todos esses entraves com relação à disponibilidade das segundas doses”, ressaltou o secretário. “Hoje (terça) mesmo, as 1.800 doses da Coronavac, distribuídas em 12 postos, se esgotaram, e temos ainda um passivo em torno de 15 mil pessoas aguardando a segunda aplicação.”

Publicidade

O secretário reforçou que, mesmo que o cronograma avance para a imunização dos trabalhadores da educação, os demais públicos continuarão sendo vacinados, sem prejuízo ao cumprimento do Plano Nacional de Imunização. “Amanhã (quarta), ao longo do dia, passaremos as demais informações, pelas redes oficiais da Prefeitura, informando como faremos a partir de quinta-feira”, adiantou Régis. “É um momento de celebração para Gravataí.”

Publicidade

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.