Próximas noites e madrugadas serão muito quentes e abafadas no Estado - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Os próximos dias e noites serão de calor - Foto: Arquivo/oreporter.net

Próximas noites e madrugadas serão muito quentes e abafadas no Estado

Massa de ar quente e maior umidade vão trazer sequência de noites e madrugadas com temperatura muito acima da média do mês de janeiro

A semana quase toda foi marcada por noites de temperatura agradável e até baixas para esta época do ano em localidades serranas, a despeito de fazer muito calor durante o dia. Efeito do ar muito seco, com umidade relativa do ar em valores de deserto durante a tarde, que traz uma acentuada amplitude térmica. Esquenta muito rapidamente com o ar seco durante o dia e a temperatura cai muito velozmente a partir do fim da tarde e o começo da noite. Com o aumento da umidade que vai trazer chuva e temporais em diversos pontos durante os próximos dias, as noites até agora agradáveis passarão a muito desconfortáveis com marcas nos termômetros bastante altas mesmo durante a madrugada.

Os próximos dias, assim, vão ser de mínimas bastante elevadas, em muitas cidades acima de 25ºC. Haverá locais que vão, inclusive, virar toda a noite ou quase toda a noite com temperatura ao redor ou acima de 30ºC. Hoje à noite, por exemplo, a temperatura às 21h desta sexta-feira deve ficar em torno de 34ºC a 35ºC em Uruguaiana, 32ºC em Bagé e Jaguarão, 29ºC em Santa Maria e 28ºC a 29ºC em Porto Alegre.

Publicidade

Em Uruguaiana, Itaqui, Quaraí e Barra do Quaraí, a madrugada deste sábado será uma das mais quentes que os moradores destas cidades já terão experimentado com marcas acima ou ao redor de 30ºC até o amanhecer. Por isso, o amanhecer deste sábado será o mais quente ou um dos mais quentes que Uruguaiana e região já teve, logo com possibilidade de um recorde de mais alta mínima.

Em Porto Alegre e região metropolitana, as mínimas nas estações de referência do Inmet vão ficar entre 24ºC e 26ºC neste fim de semana e na segunda-feira, mas como a Grande Porto Alegre tem múltiplos microclimas, áreas densamente povoadas e com muitas construções não devem baixar de 27ºC ou 28ºC em algumas madrugadas. O que pode atenuar mínimas mais altas é chuva ou temporal de fim da tarde ou à noite, mas, em compensação, o abafamento acaba aumentando. A temperatura mínima média histórica de Porto Alegre no mês de janeiro é de 20,5ºC (série 1961-1990) ou 20,6ºC (série 1981-2010), mas durante a próxima semana as marcas mínimas devem ficar acima a muito acima destes valores médios pela massa de ar quente e úmido que vai estar sobre o Rio Grande do Sul.

Publicidade

Com isso, as noites agradáveis que predominaram até este momento no verão em razão da forte estiagem no Rio Grande do Sul devem dar lugar a noites quentes e abafadas na cidade. Também na Serra que vinha tendo noites amenas ou até frias para janeiro em alguns dias são esperadas noites e madrugadas de temperatura alta nos próximos dias. Em Caxias do Sul e em Gramado, por exemplo, mínimas de 20ºC a 22ºC predominarão nos próximos dias. Logo, cidades da Serra a 700/800 metros de altitude terão mínimas mais altas que a média mínima histórica de janeiro em Porto Alegre que está quase ao nível do mar. A média mínima de janeiro em Caxias é de 16,7ºC, portanto os próximos dias terão madrugadas até 5ºC mais quentes do que é normal para esta época do ano.

Metsul

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.