Prefeito Luiz Zaffalon recebe representante do Movimento Orgulho Autista Brasil - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
O encontro foi para debater a criação do centro - Foto: Divulgação/PMG

Prefeito Luiz Zaffalon recebe representante do Movimento Orgulho Autista Brasil

O encontro tratou da criação do Centro de Referência em Deficiências – Incluir

Gravataí – A preocupação com o bem-estar e a saúde da população é pauta do gabinete do prefeito. Na tarde da última quarta-feira (06), Luiz Zaffalon se reuniu com a coordenadora do Movimento Orgulho Autista Brasil (Moab), Márcia Baumhardt, o secretário da Saúde Régis Fonseca e a chefe de Gabinete Mari Léia Bastiani, para discutir a criação do Centro de Referência em Deficiências – Incluir. No encontro foi posta a importância de um atendimento de saúde de qualidade para essa parcela da comunidade.

Publicidade

Comprometido com a causa desde a sua campanha, o prefeito garantiu que irá trabalhar para que o Centro se torne referência no município. “Estamos colocando em prática aquilo que falamos ser possível. Sabemos do déficit de atendimento especializado, mas queremos mudar isso. Esse contato com as mães e representantes de instituições de referência é muito importante. No governo do prefeito Marco Alba o Centro de Educação Especial Irmã Soledade começou a ser construído e devemos o inaugurar em breve. Agora vamos trabalhar para que o Centro de Referência em Deficiências – Incluir também seja uma realidade”, afirmou Zaffalon.

Régis, que assumiu a Secretaria da Saúde, também está comprometido com a saúde das pessoas com deficiência. “Estamos em um momento delicado, a pandemia tem consumido muito da Secretaria, mas sabemos que as outras demandas não param. Queremos dar um atendimento clínico de qualidade para essas pessoas. Temos um grande desafio pela frente, mas trabalhando ao lado do Moab e das outras instituições, seremos referência nesse tipo de serviço, assim como somos em tantos outros”, disse.

Mari Léia, que atua na causa da inclusão social, disse que essa é uma discussão importante para o município. “Nosso prefeito sabe da importância desses serviços. Junto com o Régis, a secretária Sônia, da Educação, e demais pastas, vamos trabalhar para por em prática esses projetos. As crianças, adolescentes e adultos com deficiência precisam dessa atenção e nós já estamos caminhando para tornar isso realidade”, disse.

Publicidade

Márcia Baumhardt está confiante no projeto e nas articulações com o atual governo. “Esse é um sonho que irá sair do papel. Vim aqui para compartilhar a ideia com o novo secretário e mostrar a importância de políticas públicas voltadas às pessoas com deficiência. Durante a campanha eu e outras mães nos reunimos com o prefeito Zaffalon e hoje vejo que não eram apenas promessas, esse projeto se tornará realidade. Foi uma reunião muito satisfatória”, concluiu.

O Centro

No documento entregue ao prefeito, o objetivo esperado é poder, por meio do Centro de Referência em Deficiências – Incluir, realizar atendimento clínico e multidisciplinar no município. O local contará com uma equipe multiprofissional composta por médico neurologista, geneticista, fonoaudiólogo, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional e psicólogo.

Além disso, o projeto também servirá como serviço de intervenção precoce, já que esse tipo de atenção apresenta grande desenvolvimento nas habilidades cognitivas, sociais, emocionais e motoras de todos os usuários.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.