Documento que torna a educação de Gravataí mais igualitária entra em vigor em 2020 - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Por uma educação mais igualitária - Foto: SMED/PMG

Documento que torna a educação de Gravataí mais igualitária entra em vigor em 2020

Secretaria Municipal da Educação trabalhou durante quatro meses para concluir o Referencial do Território de Gravataí

Gravataí – Um ensino de qualidade é um objetivo e também um compromisso de todos. Para conseguir entregar esse serviço aos alunos da nossa cidade, um grupo de trabalho foi selecionado pela Prefeitura de  Gravataí, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Smed), para criar o Referencial do Território de Gravataí (RTG). O documento é um balizador de ensino que será trabalhado, a partir de 2020, nas escolas do município.

Regido pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), que apresenta os princípios de igualdade, equidade e conhecimentos mínimos comuns a todo território nacional, o RTG é um ofício que norteia a educação no município. “Ela, a BNCC, garante que todos recebam uma educação de qualidade, sem diferenças. Em nível municipal, o RTG traz características da nossa cidade, que serão contempladas na educação. O Referencial do estado traz temas gaúchos, aborda assuntos relativos a todo o Rio Grande do Sul. O de Gravataí, por sua vez, trabalha com especificidades da nossa cidade”, afirmou Katiuscia de Almeida Custodio, coordenadora geral do Referencial do Território de Gravataí.

Depois de quatro meses de trabalho, o Referencial foi concluído e aprovado pelo Conselho Municipal de Educação de Gravataí (CMEG), no dia 17. Realizado pela Smed, por meio do Grupo de Trabalho do RTG e orientado pelo CMEG, agora, escolas públicas e privadas poderão construir os seus currículos para o próximo ano letivo com base nesse documento.

De acordo com a secretária de Educação, Sônia Oliveira, o Referencial foi feito por pessoas capacitadas e engloba as necessidades do município. “Esse Grupo de Trabalho é composto por professoras, professores, supervisoras e especialistas em educação do município. Um time capacitado que se esforçou para atender às necessidades da educação de Gravataí”, disse Sônia.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.