Calçadas do centro de Gravataí recebem piso tátil - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Mais acessibilidade no centro da cidade - Foto: Caroline Barcelos/Divulgação

Calçadas do centro de Gravataí recebem piso tátil

A obra atende todas as normas da NBR n° 9050, que regulamenta a acessibilidade nos passeios públicos

Gravataí – As obras que tiveram início em setembro do ano passado, já começaram a melhorar a vida não só das pessoas com deficiência, mas de todos os cerca de 30 mil pedestres que circulam pela área central diariamente. Parte das calçadas das vias: Avenida José Loureiro da Silva, Rua Dr. Luís Bastos do Prado, Avenida Dorival Cândido Luz de Oliveira, Rua Cel. Fonseca, Rua Prefeito Ary Tubbs e Rua Adolfo Inácio de Barcelos já estão prontas.

Publicidade

A previsão da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semurb) é que até abril deste ano todas as calçadas estejam revitalizadas. Conforme a lei n° 2747, art. 6, o passeio é de responsabilidade do proprietário, no entanto buscando uma padronização e com isso uma maior valorização do centro da cidade a prefeitura assumiu a responsabilidade sobre as obras.

Segundo o prefeito Luiz Zaffalon, a obra aumenta a segurança dos pedestres e facilita o deslocamento das pessoas com deficiência. “Além disso, a modernização da área central do município precisa ocorrer. Com as novas calçadas possibilitamos um melhor acesso inclusive dos comércios e disciplinando melhor o trânsito de veículos na região.”

Já o secretário municipal de Mobilidade Urbana Adão de Castro Júnior, lembra que a adequação das calçadas na área central é uma obra inédita, iniciada no governo Marco Alba e que recebe continuidade no governo do prefeito Zaffalon. “Hoje, quem circula pelo centro já consegue usufruir de um melhor conforto e segurança no trânsito. As rotas acessíveis melhoram e muito a vida das pessoas com dificuldade de mobilidade, das pessoas com deficiência e da população como um todo.”

Publicidade

Para a servidora da Assessoria de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e pessoa com deficiência Patricia Lisboa, “as calçadas tem melhorado muito a qualidade de vida das pessoas com deficiência, facilitando o acesso ao comércio e serviços de forma igualitária às demais pessoas sem deficiência”.

Saiba mais sobre a obra

A obra atende todas as normas da NBR n° 9050, que regulamenta a acessibilidade nos passeios públicos. O piso tátil, as esquinas mais largas e a regularidade do piso são alguns dos elementos que deixam as calçadas mais seguras  e confortáveis para toda a população.

Em 2007, a gestão do município assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público (MP), mas só em 2020, na gestão o ex-prefeito Marco Alba foi que saiu do papel. A obra é financiada pela Caixa Econômica Federal (CEF) e a revitalização conta com um investimento de R$ 4 milhões, entre o projeto, feito pela empresa Tranzun Planejamento e Consultoria de Trânsito, e a execução, pela CPS – Construção, Projeto e Sinalização.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.