Rafael quer ir para as Olimpíadas - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
O curso é aberto para servidores - Foto: Arquivo/oreporter,net

Rafael quer ir para as Olimpíadas

Rafael de Lima Roxo faz parte do projeto Alvo no Futuro há cinco anos e já conquistou seis medalhas nacionais

Cachoeirinha – Cachoeirinha tem um arqueiro de 17 anos, morador do bairro Vila Imbuí, que possui em seu currículo 25 medalhas estaduais, seis nacionais, três troféus gaúchos e uma Comenda de Mérito Esportivo como melhor do ano! Tudo isso conquistado a partir de 2014, quando ele ingressou no projeto Alvo no Futuro, desenvolvido pela Prefeitura desde 2013, com apoio da associação Arthemis e da Federação Gaúcha de Arco e Flecha (Fegaf). A iniciativa consiste em oficinas gratuitas de Tiro com Arco, oferecidas em turno inverso a alunos da rede pública de ambos os sexos, para estudantes de 10 a 16 anos.

O atleta premiado é Rafael de Lima Roxo, estudante da escola estadual Rodrigues Alves, campeão brasileiro no ano passado (categoria cadete) no Campeonato Brasileiro que ocorreu em Belo Horizonte (MG), em julho. Ele conheceu o projeto através de um amigo, mas não conhecia o esporte. “Me relacionei muito bem com o arco e flecha e a cada dia fui amando mais e mais. As pessoas acharam muito diferente, porque não era um esporte muito conhecido mas, ao longo do tempo, meus amigos e familiares conheceram o Tiro com Arco e começaram a me apoiar de uma forma incrível! Até hoje recebo um apoio enorme deles”, contou. E com quantas medalhas, conquistadas em apenas cinco anos de prática esportiva, não poderia ser diferente!

Entre as conquistas, ele destaca as recebidas em campeonatos nacionais, “dentre elas as que eu mais considero são as do ano passado, onde fui Campeão Brasileiro por equipes e individualmente”.

Sobre o projeto Alvo no Futuro, Rafael avalia que está colaborando para desenvolver o esporte na cidade e, para quem pensar em fazer parte dele, o atleta dá um recado: “não só pensem, mas entrem mesmo. Eu não consigo explicar o quanto esse esporte é maravilhoso! Cada criança que entra para o projeto faz parte da história do Tiro com Arco gaúcho. O meu sonho e meta é poder representar o Brasil em uma Olimpíada e estou treinando muito para isso. Acredito que cada criança que entra para o projeto tem potencial para chegar lá também. Além do desenvolvimento do esporte, o projeto prioriza muito o desenvolvimento da pessoa. Me ajudou muito nesses cinco anos em que faço parte. Me ajudou a entender o caminho certo das coisas. Na escola, consigo me focar e aprender matérias nas quais eu tinha dificuldade antes. Minha concentração ficou muito boa e me ajudou bastante nos estudos e em casa”, avaliou o arqueiro.

Segundo o coordenador do projeto, Cristiano Vaz Zarichta, Cachoeirinha é reconhecida nacionalmente como um dos municípios com maior formação de arqueiros de base para o país. “Posso dizer, com orgulho, que o esporte no Rio Grande do Sul tem um marco antes e depois do Alvo no Futuro”.

O prefeito Miki Breier, lembra que, com a atividade, Cachoeirinha se tornou destaque nacional e é vista como a segunda cidade com maior formação de base no Brasil. “Na rede pública municipal, o esporte é oferecido no turo inverso”, completa. (Fonte: PMC)

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.