Projeto do 26ºBPM tem espelhamento de Câmeras em Cachoeirinha - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
O uso da tecnologia em prol da segurança de Cachoeirinha

Projeto do 26ºBPM tem espelhamento de Câmeras em Cachoeirinha

Há mais de um mês, em operação o projeto já conta com a participação de empresas, igreja e faculdade

Cachoeirinha – Quem nunca ouviu ou leu a frase “Sorria, você está sendo filmado!”? Para o cidadão de bem, soa quase como uma piada, mas, para quem age com desonestidade ou vive na criminalidade, causa preocupação, pois as imagens captadas ajudam a combater o vandalismo, desvendar crimes e tirar bandidos de circulação. 

Publicidade

Há mais de um mês, entrou em operação, no 26º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o projeto Espelhamento de Câmeras de Videomonitoramento, que criou um circuito que integra câmeras externas de residências e empresas à Sala de Operações do 26ºBPM, onde policiais militares têm acesso às imagens das calçadas e ruas em que estão localizadas. 

O tenente-coronel Eduardo Luis Ramos, comandante do 26º BPM, salienta que este é mais um projeto para combater a criminalidade na cidade. ”A quanto mais câmeras tivermos a possibilidade de acessar, maior será a abrangência do nosso trabalho pela segurança de todos, pois este sistema facilita a identificação de riscos e, o melhor de tudo, não tem custos”, afirma.    

Ele destaca ainda: “Obviamente não teremos como monitorar essas câmeras 24 horas por dia, mas, isto será feito sempre que houver necessidade para a verificação de situações de risco. Tem sido grande a adesão ao projeto, tanto pelas empresas quanto pela comunidade. Em breve, teremos o espelhamento de imagens captadas em toda a cidade, aumentando consideravelmente nossa capacidade de proteger a cidadania”. 

Publicidade

Sete locais já integram o projeto Espelhamento de Câmeras de Videomonitoramento: a Faculdade Cesuca, a Paróquia São Vicente de Paulo e as empresas Benger, Ensel, Transcal, Transbus e Vidraçaria Damazio. 

Para participar do Projeto Espelhamento de Câmeras de Videomonitoramento, o interessado deve seguir estes passos: 

Publicidade
  • criar um usuário 26ºBPM no seu sistema de CFTV;
  • definir, neste usuário, qual ou quais câmeras serão espelhadas;
  • definir uma senha de acesso;  
  •  informar o link de endereço na internet, para acessar seu sistema; 
  • assinar termo de autorização e responsabilidade sobre as imagens no 26º BPM (Av. Flores da Cunha, 3519 – Parque da Matriz) 

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.