Perseguição termina com a prisão de suspeito por roubos de carga - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Materiais apreendido com o preso - Fotos: Deic/Divulgação

Perseguição termina com a prisão de suspeito por roubos de carga

Os policiais apreenderam bloqueadores de sinais, arma, munições, placas e uma Fiorino clonada, no Jardim Betânia. A ação contou com o apoio do Batalhão Aéreo da Brigada Militar e do 26ºBPM

Cachoeirinha – Uma ação do DEIC resultou na prisão de um suspeito por roubo de cargas, na tarde desta quinta-feira (17) em Cachoeirinha. A prisão do homem ocorreu após uma perseguição policial que começou na avenida das Federações, no Jardim Betânia e terminou em um matagal.

Publicidade

Os agentes do DEIC estavam monitorando dois suspeitos que estavam em uma Fiorino, de cor branca. Ao perceberem a viatura discreta da Polícia Civil, os suspeitos prenderam fugam e na esquina da Estrada dos Capistranos com a rua Aparício Borges, a Fiorino estragou e os dois homens abandonaram o veículo e fugiram para uma região de matagal.

Com apoio da aeronave do Batalhão Aéreo da Brigada Militar foram feitas buscas pela mata, onde os suspeitos estavam escondidos. Enquanto isso, eram feitas às buscas no matagal, uma equipe do 26º BPM que realizava o apoio a caçada aos suspeitos pela região, recebeu uma informação que um dos homens teria embarcado em um veículo de aplicativo.

Segundo a Polícia Civil, os brigadianos abordaram o veículo e prenderam, o suspeito que estava todo sujo de barro e teria embarcado na rua A, no Chácara das Rosas com destino final na rua Cairu, na Vila Fátima. No local onde seria o destino da viagem do homem, os brigadianos apreenderam 33 munições de calibre 380.

Publicidade
A tornozeleira foi enrolada com papel alumínio

Ele ainda confessou aos brigadianos que teria deixado no matagal um revólver municiado, um bloqueador de sinal portátil e um rádio comunicador, na frequência da BM, questionado pelos policias, sobre a identidade do seu comparsa, o preso, que usava tornozeleira eletrônica, colocada poucos dias antes, a qual estava enrolada em papel alumínio e sem comunicação com a SUSEPE desde da quarta-feira (16), permaneceu em silêncio. No interior da Fiorino, que era clonada, os policiais apreenderam um par de placas, duas munições calibre 38; bloqueador de sinais, que estava ligado a uma bateria estacionária e diversos cartões de banco.

A Fiorino usada pelos suspeitos foi apreendida

Ainda segundo o titular da Delegacia de Repressão ao Roubo e Furto de Cargas (DRFC), o delegado Alexandre Luiz Fleck, “a ação foi montada a partir dos diversos roubos a cargas de cigarros naquela cidade, policiais civis da DRFC/DEIC realizaram diligências para tentar flagrar os indivíduos que, de forma reiterada, praticam tais delitos.” O Delegado Fleck ressalta “que a ação de inteligência da Delegacia Especializada, aliada ao esforço conjunto fundamental com a Brigada Militar, proporcionou a prisão do homem, de considerável periculosidade e embasará outras investigações. Ainda, que o fato do preso estar em uso de tornozeleira demonstra, mais uma vez, a ineficácia do sistema para criminosos contumazes e de periculosidade comprovada.”

O preso foi encaminhado para o DEIC e posteriormente conduzido ao sistema prisional. O carro foi recolhido para o depósito do DETRAN e o seu comparsa conseguiu fugir do cerco policial.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.