Miki anuncia que vai voltar para a bandeira vermelha - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Funcionamento do comércio é reduzido - Foto: Arquivo/oreporter.net

Miki anuncia que vai voltar para a bandeira vermelha

Cinema, quadras esportivas e casas noturnas, entre outras atividades, não podem operar

Cachoeirinha – O prefeito Miki Breier anunciou na manhã desta sexta-feira (7) que a Prefeitura vai cumprir com a decisão liminar de seguir as regras do Distanciamento Controlado do Governo do Estado não flexibilizando medidas além do definido para a bandeira vermelha. O comércio, conforme definido pelo Comitê de Crise do Governo do RS, assim como restaurantes, podem operar seguindo determinadas regras.

Publicidade

Apesar de seguir as regras, a Prefeitura vai recorrer da decisão liminar. Nesta sexta-feira (7), o governador Eduardo Leite antecipou a cogestão que será anunciada na próxima semana. Mediante decisão de dois terços dos prefeitos de cada região, medidas restritivas de uma bandeira imediatamente anterior a que estiver em vigor, poderão ser adotadas.

Isto significa que se dois terços dos municípios da região que Cachoeirinha faz parte concordarem em flexibilizar regras, a cidade poderá ter novamente algumas atividades retomadas seguindo as regras da bandeira laranja. No final da tarde desta sexta, o governador vai anunciar o mapa provisório com a classificação das bandeiras para cada região.

OS NOVOS PROTOCOLOS DE BANDEIRA VERMELHA

Publicidade

Comércio varejista e atacadista não essencial (rua, centros comerciais e shoppings)
• Permite 25% trabalhadores (somente para estabelecimentos com mais de três trabalhadores).
• Respeito ao teto de ocupação (número máximo de pessoas conforme área do estabelecimento).
• Abertura exclusiva de quarta-feira a sábado, em horário reduzido, das 10h às 16h, para não coincidir com a movimentação de serviços essenciais.

Restaurantes à la carte, prato feito e buffet sem autosserviço
• Atendimento presencial restrito passa a ser permitido na bandeira vermelha, com dias e horários reduzidos e reforço dos protocolos obrigatórios.
• Aviso visível aos frequentadores sobre a lotação máxima nas bandeiras amarela, laranja e vermelha, para reforçar distanciamento mínimo. Na bandeira amarela, a lotação máxima é de 75%. Na bandeira laranja, é de 50%. Na bandeira vermelha, passa para 50% de trabalhadores e 25% de lotação, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.
• As modalidades de tele-entrega, drive-thru e pague e leve seguem permitidas durante todos os dias da semana.
• Restaurantes que se localizam em shoppings também estão inclusos na alteração.

LEIA MAIS

Justiça determina que prefeitura respeite regras da bandeira vermelha

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.