Depois de seis anos, Ponte Preta inaugura novo campo - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Obra demorou um ano depois de superada a burocracia - Fotos: Roque Lopes/oreporter.net

Depois de seis anos, Ponte Preta inaugura novo campo

Gramado havia sido destruído em 2013 depois da Ação Global do Sesi e só no ano passado foi possível iniciar a reforma

Cachoeirinha – A Ponte Preta inaugurou neste sábado (22) a reforma da sua praça de esportes. Além da reconstrução do gramado, o espaço ganhou pista atlética, calçadas e vestiários para duas equipes e arbitragem.

O campo havia sido destruído em 2013 durante a realização da Ação Global do Sesi e uma emenda parlamentar da deputada federal Manuela D`Ávila, mais uma contrapartida da Prefeitura, garantiu a reconstrução. Seis anos se passaram até que o projeto enviado ao Ministério dos Esportes, ainda no governo de Vicente Pires, fosse ajustado na atual administração para que a licitação fosse realizada.

Aguinaldo agradeceu empenho da Prefeitura

As obras iniciaram em junho do ano passado e foram investidos R$ 387 mil, sendo R$ 292 mil da emenda parlamentar e R$ 95 mil de contrapartida da Prefeitura, segundo o secretário de Esporte, Lazer e Turismo, Relmas Abenir Barcelos Cardoso.

Segundo o supervisor de convênios e emendas parlamentares de obras, Vanderlei Marcos, foi necessário fazer uma readequação completa na planilha de custos. O secretário de Planejamento e Captação de Recursos, Elvis Valcarenghi, as exigências e a burocracia dos projetos que passam pela Caixa Econômica Federal foram os responsáveis pela demora.

Miki cobrou um pênalti para marcar a inauguração e fez o gol ao deslocar o goleiro Vanderlei

O presidente da Ponte Preta, Aguinaldo Leandro Moura, comemorou a entrega da obra. “É um sonho realizado depois de tanto tempo. Agora poderemos retomar os trabalhos com as categorias de base.” Quando tinha o campo à disposição, a Ponte chegou a ter 170 jovens na base.

O time tem apenas dois títulos municipais conquistados em 2007 e 2008. Já na base são vários e o presidente nem lembra de quantos foram. Esse ano, como não está sendo disputado o campeonato principal, já que a Prefeitura não tinha dinheiro para a competição, a diretoria da Ponte vai se concentrar na base.

O vice-prefeito Maurício Medeiros destacou na inauguração que o trabalho com jovens é importante para tirar crianças das ruas. Já o prefeito Miki Breier salientou que as atividades proporcionadas aos jovens, não só no futebol, são importantes para ocupar o tempo de estudantes no turno inverso ao das aulas.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.