Covid-19: Gravataí retoma vacinação nesta quinta-feira (24) - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Vacina - Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil/Arquivo

Covid-19: Gravataí retoma vacinação nesta quinta-feira (24)

Imunização estava temporariamente suspensa em razão da falta de doses

Gravataí – A Secretaria Municipal da Saúde (SMS), retomará a vacinação contra a covid-19 para pessoas a partir dos 12 anos nesta quinta-feira (24). Em razão do desabastecimento das doses, a imunização estava temporariamente suspensa desde a última sexta-feira, 18. No momento, adultos com 18 anos ou mais estão aptos a receber a quarta dose, que deve ser aplicada com intervalo de quatro meses após a terceira dose.

Publicidade
Publicidade

De acordo com o secretário municipal da Saúde, Régis Fonseca, é fundamental que as pessoas completem o esquema vacinal contra o coronavírus para que casos mais graves da doença sejam evitados. “Seguiremos firmes no propósito de imunizar nossa população com agilidade e eficiência. Temos uma rede de saúde ampla e muito atuante para isso”, destaca Régis.

Publicidade

Os locais e os horários de vacinação das unidades podem ser conferidos nas nossas redes sociais. Gravataí registra, até o momento, 639.224 doses aplicadas entre residentes e não residentes. Ao menos 90,4% da população de 18 a 79 anos já recebeu uma dose do imunizante.

Na última terça-feira(22), a SMS deu início à vacinação em crianças com comorbidades entre 6 meses a 2 anos. Entre as comorbidades incluídas para a vacinação, estão doenças como diabetes mellitus, hipertensão arterial resistente, obesidade grave, hemoglobinopatia grave, pneumopatias crônicas graves, cirrose hepática e doença nefrológica grave. Crianças imunossupressoras, com síndrome de Down e com doenças cardiovasculares também estão aptas a receber o imunizante.

Publicidade

Desde o início da vacinação contra a covid-19, a prefeitura não tem medido esforços para que os gravataienses tenham acesso ao imunizante. Por meio da SMS, além das campanhas de conscientização, as unidades de saúde permaneceram, ao longo do último ano, abertas aos sábados para que um maior número de pessoas pudesse receber a vacina.

Publicidade
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.