Cachoeirinha mantém trajetória de redução nos indicadores de violência - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Apresentando os números da criminalidade na cidade - Foto: Fernando Planella/PMC

Cachoeirinha mantém trajetória de redução nos indicadores de violência

Os números foram apresentados durante a reunião do
Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M)

Cachoeirinha – Na manhã desta terça-feira (23), representantes da Prefeitura de Cachoeirinha, Promotoria, Defensoria Pública, Centro das Indústrias de Cachoeirinha (CIC), Guarda Municipal, Guarda Municipal de Trânsito, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Associação Comercial de Cachoeirinha (ACC), Conselho Tutelar, Brigada Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil se reuniram na sala de eventos do Hotel Alano para partilhar os dados de redução dos índices de criminalidade através das ações do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M).

O objetivo do “programa” é articular ações de prevenção da criminalidade, atuando nas razões sócio-educativas. O GGI-M, integra representantes do poder público e das diferentes forças de segurança pública com atuação no Município. As entidades deliberam colegialmente sobre as ações conjuntas e sistêmicas de prevenção e enfrentamento da violência e criminalidade. Com isso, consegue unir as forças policiais para solução dos problemas de modo mais inteligente e eficaz. Implantada em Cachoeirinha desde 2017, reduziu drasticamente os índices de criminalidade como homicídios, roubo e furto de veículos. 

‘Nós estamos fazendo uma cidade mais segura’, essa é a afirmação do prefeito Miki Breier que aponta que além da integração das forças policiais junto a estrutura da prefeitura, o cercamento eletrônico como um fatos decisivo para a redução dos índices de violência.

Cachoeirinha foi uma das primeiras cidades da Região Metropolitana de Porto Alegre a aderir ao cercamento eletrônico. Os equipamentos monitoram todas as entradas e saídas do município através de radares fixos, inclusive os pardais que foram habilitados para o cercamento. Com esta ação é possível fiscalizar veículos com qualquer irregularidade, bem como recuperar veículos em situação de furto/roubo. “Uma cidade mais segura, mais feliz e mais amada pela sua gente”, disse o prefeito Miki Breier. 

Criminalidade

O levantamento aponta que Cachoeirinha reduziu principais indicadores criminalidade, entre eles, os homicídios. Em 2017 foram 20 casos, em 2018, baixou para 5 e em 2009, 4, uma redução de 300%.

O roubo de veículos, que em 2017 chegou a 135; baixou para 70 em 2019; e para 65 neste início de 2019, perfazendo uma redução de 108% em dois anos e meio. 

Através do cercamento eletrônico, que funciona na cidade desde outubro de 2018, foram emitidos 108 alertas, de janeiro a março de 2019, com a recuperação de 67 deles. (Imprensa/PMC)

Compartilhe essa notícia