"Bingo Indomável" é fechado novamente - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
O local foi fechado pela polícia e interditado pelos bombeiros - Fotos:BM/Divulgação

“Bingo Indomável” é fechado novamente

Mais uma vez um bingo que funcionava na avenida Flores da Cunha, em frente a Caixa Econômica Federal, foi fechado pela polícia.  Toda a estrutura, incluído maquinas caça-níquéis e computadores, funcionavam no segundo piso sobre uma loja de departamento, que não tem ligação com a transgressão.

Nos últimos cinco anos, houve diversas operações da Polícia Civil e Brigada Militar, fechando o estabelecimento irregular e recolhendo todos os equipamentos. Apesar disso, ele sempre voltou operar semanas depois.

Os telões anunciavam as bolinhas sorteadas e a premiação

As rodadas do bingo costumavam pagar R$ 60,00 para quem preenchesse a cartela. O prêmio para linha era de R$ 20,00 reais.Para as rodadas especiais, como jogo da velha, os prêmios chegavam a R$ 200,00. As rodadas envolviam apostas individuais, marcadas nas cartelas por frequentadores que usavam as mesas, e pelos apostadores que compravam inúmeras cartelas e utilizam os computadores para fazer o controle do jogo.

Diversos monitores estavam instalados nos pilares, permitindo a visualização das bolas sorteadas na “pipoqueira”. O local também possuía uma parede de vidro fume que dividia os ambientes.

Diversas máquinas de caça-niquéis foram apreendidas no local 

Na operação que ocorreu na tarde dessa quinta-feira (10), os policiais militares encontraram e apreenderam: 71 monitores LCD, 62 teclados, 64 CPU, um pendrive, 11 ceduleiras, 11 placas mãe, 09 pacotes de cédulas de jogos, 01 pacote de cédula de jogo fracionada, uma calculadora Idea, 180 bolas numeradas, 22 bobinas para máquina de cartão, 407 fichas de jogos numeradas e o valor de R$761,45 reais em dinheiro.

No momento da “batida policial”, havia diversas pessoas jogando e o responsável pelo local que assinaram um termo circunstanciado e foram liberados pela polícia. Os Fiscais da Prefeitura e o Corpo de Bombeiros, que interditaram o local. A operação contou com o apoio da Guarda Municipal de Cachoeirinha.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.