Vereadores não respeitam horário de início de Sessões - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Plenário praticamente vazio logo depois das 18 horas - Foto: Roque Lopes/oreporter.net

Vereadores não respeitam horário de início de Sessões

Nesta terça-feira (5), teve vereador que chegou quase uma hora atrasado

Cachoeirinha – Nem todos os vereadores de Cachoeirinha estão respeitando o horário de início das Sessões na Câmara. Nesta terça-feira (5), já passava das 18 horas quando o presidente do Legislativo, Fernando Medeiros, fez o primeiro aviso para que os parlamentares tomassem seus lugares no Plenário. Só estavam nele, além de Medeiros, Alcides Gattini, Edison Cordeiro, João Tardeti e Luis Henrique Tino.

Mais quatro chamadas foram realizadas e na Mesa Diretora não estavam o vice-presidente Cristian Wasem e nem o secretário Eduardo Keller. Sem pode iniciar os trabalhos, o presidente foi aguardando. Marco Barbosa chegou às 18h07min e um minuto depois a vereadora Jussara Caçapava também chegou.

Já às 18h09min foi a vez de Paulinho da Farmácia e de Nelson Martini. No minuto seguinte, Jacqueline Ritter, que é a segunda secretária, apareceu. Manoel D’Ávila chegou no Plenário às 18h15min. Fernando Medeiros chamou Jacqueline para a função de Eduardo Keller e deu início à Sessão fazendo a chamada dos vereadores. Rubens Otávio se apresentou às 18h17min. Os trabalhos já tinham iniciado quando, às 18h24min, Deoclécio Mello e Felisberto Xavier entraram no Plenário.

Wasem chegou quando quase meia hora depois e Keller foi o mais atrasado: 55 minutos. Somente Wasem se desculpou pelo atraso, mas não disse o motivo. Já Ibaru Rodrigues faltou.

Pelo Regimento Interno da Câmara, a Sessão deve iniciar às 18 horas. A primeira parte dos trabalhos é a considerada mais enfadonha tanto por alguns vereadores quanto por quem assiste, mas deve ser cumprida. Depois da chamada é aprovada a ata da Sessão anterior, lida uma mensagem da Bíblia e também é feita a leitura de todos os expedientes que chegam ao Legislativo, como projetos do Executivo e pedidos dos mais diversos feitos por vereadores. Esta etapa da leitura é longa e tem um limite de 25 minutos.

A primeira meia hora da Sessão não desperta muita atenção. Alguns vereadores ficam olhando anotações que vão usar nos pronunciamentos na Tribuna, outros conversando entre si e há também quem aproveite o tempo para ver postagens em redes sociais. Há ainda outros que ocupam a meia hora para conversar com conhecidos e amigos que estão na assistência ou até mesmo na rua. Não há no Regimento Interno do Legislativo nenhum tipo de penalidade para atrasos constantes .

Atualizada – 06/11/2019 – 14h – Os vereadores Paulinho da Farmácia e Nelson Martini chegaram às 18h09min e não às 19h09min como publicado.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.