Saúde realiza ensaio fotográfico com usuários do Serviço para Estomias – oreporter.net – Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Ensaio - Foto: Weslei Correa/PMC

Saúde realiza ensaio fotográfico com usuários do Serviço para Estomias

Unidade funciona na Unidade Básica Odil Silva de Oliveira, em Cachoeirinha

Publicidade

Cachoeirinha – A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou um ensaio fotográfico com os usuários do Serviço para Estomias da Unidade Básica Odil Silva de Oliveira, em alusão ao Dia Nacional dos Estomizados compondo o Novembro Verde, mês de conscientização e esclarecimento das estomias. A data, que transcorreu na última quinta-feira (16) foi criada pela Lei número 11.506/2007, em homenagem à fundação da Sociedade Brasileira dos Ostomizados (Abraso), e tem o objetivo de informar e conscientizar sobre pessoas que utilizam o procedimento da estomia.

Publicidade
Publicidade

“Nós escolhemos neste dia não falar sobre as doenças ou as patologias que desencadeiam as estomias e sim valorizar a beleza, a normalidade e a funcionalidade das pessoas ostomizadas e a importância de normalizar a convivência com estoma e dar visibilidade a estas pessoas”, explica Diani Borsato, enfermeira do Serviço.

Publicidade

“Foi muito importante essa ação de hoje, de divulgarmos a pessoa ostomizada. Tem pessoas que no início elas sofrem para se adaptar, porque é uma mudança na estética do corpo, na alimentação, a roupa, o lado emocional, o lado sexual e até a aceitação da família. É muito gratificante ter esse cuidado e o reconhecimento do município”, relata Marlene Theresa Hammes da Silva, usuária do Serviço de Ostomias da Unidade Básica Odil.

A Estomia é um procedimento cirúrgico no qual é criada uma abertura (estoma) no corpo para facilitar a eliminação de resíduos corporais, quando as vias normais de eliminação estão comprometidas. Atualmente, o Serviço de ostomias e cuidados da pele da UBS Odil atende serviços como Enfermagem, Medicina, suporte a grupos de Saúde Mental, orientação nutricional, assistência a grupos de combate ao tabagismo, além de atividades de convívio e fortalecimento de redes, acrescenta Paula Maritan, coordenadora das Políticas de Saúde da Pessoa com Deficiência.

Publicidade
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.