Projeto prevê ajuda da Prefeitura para CTGs transportarem cavalos - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Ajuda seria para a Cavalgada do Mar - Foto: Secretaria Estadual da Cultura/Divulgação

Projeto prevê ajuda da Prefeitura para CTGs transportarem cavalos

  • Roque Lopes

Tramita na Câmara de Vereadores dois projetos do Executivo promovendo alterações no Calendário de Eventos Culturais do Município de Cachoeirinha. O primeiro entrou na semana passada e inclui a possibilidade de a Prefeitura destinar recursos para a locação de veículos para o transporte de animais e também a locação de ônibus ou vans. Já o segundo muda a data da Feira do Livro e da Mostra Artística Cultural de Cachoeirinha (Moarc).

O veículo de transporte de animais atenderia a necessidade dos tradicionalistas dos CTGs de Cachoeirinha que participam da Cavalgada do Mar. Já o outro seria para auxiliar as escolas de samba no transporte de pessoas para o desfile de Carnaval em Cachoeirinha.

Publicidade

Segundo o diretor de Lazer e Eventos da secretaria de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, Abenir Barcelos Cardoso, o Relmas, o fato de a lei ser alterada não significa que a Prefeitura vá utilizar recursos públicos para cobrir a totalidade das despesas dos CTGs, por exemplo, com o transporte dos cavalos.

“O anexo I da Lei, que prevê outros auxílios, não contemplava os CTGs e Escolas de Samba. O que fizemos, para esses eventos que acontecem em fevereiro, foi apenas a inclusão para a possibilidade de ajudarmos com algum valor financeiro. Isto, contudo, não é nada certo. Tudo vai depender de termos ou não condições financeiras de fazermos essa ajuda”, argumenta.

Relmas diz que ajudas só ocorrerão se Prefeitura tiver recursos

Relmas destaca que as despesas no caso específico da Cavalgada do Mar são elevadas e que os CTGs já cobram das pessoas uma taxa para viabilizar o transporte dos animais. “Seria apenas uma ajuda e se tivermos dinheiro”, reforça.

Publicidade

Já a Feira do Livro e a Moarc, pelo projeto, mudam de data. Elas aconteciam em maio e a Prefeitura quer transferir para outubro, no período de 7 a 15, pegando o feriadão de Nossa Senhora Aparecida e Dia da Criança. “Não vamos ter dinheiro em maio para esses eventos. Resolvemos, então, mudar para outubro para tentarmos viabilizar os recursos necessários”, explica.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.