Primeiro projeto do ano propõe a Feira da Empregabilidade – oreporter.net – Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Fernando Medeiros - Foto: Arquivo/oreporter.net

Primeiro projeto do ano propõe a Feira da Empregabilidade

Vereador Fernando Medeiros destaca que feira nos bairros vai proporcionar aproximação entre desempregados e empresas locais

Publicidade

Cachoeirinha – O primeiro projeto de 2023 já foi protocolado na Câmara de Vereadores de Cachoeirinha, que retoma suas Sessões no próximo dia 7 de fevereiro. Ele foi protocolado pelo vereador Fernando Medeiros e propõe a criação da Feira da Empregabilidade. A ideia é a prefeitura mobilizar empresas de RH para que visitem os bairros pelo menos uma vez por mês.

Publicidade

No local, seriam oferecidos serviços, como orientação para produção de currículos e confecção de Carteiras de Trabalho, mas o principal é o cadastramento de desempregados para entrevistas de emprego. A proposta, conforme o parlamentar, não geraria custo para a prefeitura, uma vez que poderia ser realizada em horário de expediente usando servidores que já estariam trabalhando. Já no caso de atividades nos finais de semana, poderia haver a compensação de horário. Via de regra, um vereador não pode apresentar um projeto que gere custos para a prefeitura.

Publicidade

A proposta de Medeiros não resolve um problema: a geração de empregos. Cachoeirinha, assim como qualquer outra cidade, possui um estoque de empregos e novos só são criados com a abertura de novas empresas ou expansão das atividades existentes. Apesar disso, há uma rotatividade muito grande de mão-de-obra durante o ano.

Outro ponto é que muitas empresas acabam contratando funcionários que moram longe, como em outros municípios, gerando mais gastos além de tempo perdido por eles em deslocamentos. “Nós queremos favorecer que as empresas locais contratem pessoas que morem próximas”, destaca.

Publicidade

A ideia esbarra em outro problema: falta de qualificação. “Nós também queremos trabalhar isso através de um convênio com o Senai e Senac. Já conversei como prefeito sobre isso”, revela. Os cursos que vierem a ser oferecidos atenderão pessoas de baixa renda e os detalhes do projeto ainda não estão definidos.

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.