MDB muda o comando da UPA - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Rubens criticou "parte do governo" - Foto: Reprodução

MDB muda o comando da UPA

Partido pediu o cargo para indicar outro nome e troca foi criticada por vereadores na Câmara

Cachoeirinha – A exoneração da ex-coordenadora do Posto 24 Horas, que vinha coordenando a UPA, Simone Almeida, foi assunto na Câmara de Vereadores durante a sessão desta terça-feira (16). No plenário, ela foi às lágrimas quando o vereador Rubens Otávio (MDB) usou a Tribuna para elogiar o trabalho que vinha sendo desenvolvido e criticar “parte do Governo”.

“Simone, quero te dizer o seguinte: Parabéns pela condução, até o dia de ontem (segunda), da nossa UPA e nossa unidade 24 Horas. Entendeu, parte deste Governo, que não deveria continuar à frente da UPA, o que eu acho lamentável, porque deste o sangue para estar lá. Sempre estavas lá de prontidão para desempenhar a atividade tão importante que é a questão da saúde. Então, saia de cabeça erguida e coração tranquilo porque fizeste tudo que pudeste fazer em prol do 24 horas e agora da UPA. Depois de todo o trabalho, todo o esforço realizado, agora não serve mais. O mais importante é o legado que tu deixa, uma equipe sincronizada, uma equipe pronta, uma equipe que busca o melhor para a população”, salientou.

A vereadora Jacqueline Ritter, que embora filiada ao PSB está participando de reuniões de partidos da oposição, aproveitou a oportunidade para criticar o Governo. “Tiraram por politicagem uma profissional. Hoje (terça) o meu whatts não parava. Funcionários me colocando da injustiça que fizeram. Tiram quem trabalha? Vão ver isso aí, não está correto. É perseguição? Bom desempenho ela tem”, disse.

O cargo de Simone faz parte da cota de participação do MDB no Governo e o partido, conforme o secretário de Governança e Gestão, Juliano Paz, pediu a troca.

No intervalo da sessão, questionado pela reportagem sobre a crítica já que o cargo é do seu partido, Rubens disse que o MDB tem o vice-prefeito, Maurício Medeiros. “É parte do governo”, resumiu.

A reportagem apurou que Simone foi uma indicação do vereador Rubens Otávio. A troca teria ocorrido, segundo informações de bastidores, porque o vereador vem causando certo desconforto dentro do partido por estar se articulando para postular uma pré-candidatura a prefeito.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.