Home / CIDADE / Legislativo realiza a entrega do Troféu Mulher Cidadã
Uma noite de homenagens para as mulheres - Foto: Kátia Freitas/Divulgação

Legislativo realiza a entrega do Troféu Mulher Cidadã

A solenidade é em homenagem ao Dia Internacional do Dia da Mulher, que foi comemorado no dia 08 de março

Cachoeirinha – Aconteceu na noite desta quinta-feira (14), às 19h, no Plenário Osvaldo Corrêa, a Câmara Municipal de Vereadores a sessão Solene para a entrega do Troféu Mulher Cidadã. A solenidade é em homenagem ao Dia Internacional do Dia da Mulher, que foi comemorado no dia 08 de março.

O prêmio Mulher Cidadã é destinado a mulheres de Cachoeirinha que oferecem contribuições relevantes na sociedade, sendo conferido anualmente. O título foi entregue para 11 mulheres indicadas pelos vereadores e cinco indicadas pelo Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (COMDIM).

As indicadas da edição de 2019 foram

Cláudia Roselaine Ramos Witt  -Homenageada pelo vereador Marco Barbosa (PSB) – Histórico: A agente de saúde vive em Cachoeirinha desde 1995. Está lotada na Estratégia da Saúde da Família Carlos Wilkens, em contato com as comunidades dos bairros Jardim Vitória e Jardim Conquista. Tem importante trabalho voluntário, tendo auxiliado a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

Delmira Sandra de Moura Carvalho -Homenageada pelo vereador Fernando Medeiros (PDT) –Histórico: natural de São Luiz Gonzaga, foi professora e assessora jurídica na Secretaria Municipal de Meio Ambiente. Atuou em diversas ações para a melhoria da questão ambiental da cidade como cercamento do Parque Tancredo, vencendo o Prêmio José Claudio Ribeiro e Maria do Espírito Santo.

Emília Leonir Garcia Hoffmann- Homenageada pelo vereador Alcides Gattini (MDB) –Histórico: natural de Barão do Triunfo, tem três filhas e sete netos. Veio morar em Cachoeirinha em 1960. Durante 25 anos, foi fotógrafa. No aniversário de 30 anos de academia IAR, em Cachoeirinha, foi homenageada por ser nadadora há 26 anos. Na ocasião, ganhou um abraço do nadador profissional Gustavo Borges.

Guacira Camilo Machado -Homenageada pelo vereador Felisberto Xavier (PV) –Histórico: Natural de Passo Fundo, mora em Cachoeirinha há 27 anos. Implantou a primeira academia de ginástica exclusiva para mulheres no município. Funcionária pública, coordenou o Centro de Especialidades Odontológicas, o posto Otacílio Silveira e apoia causas sociais que visem à saúde e ao bem-estar de nossa comunidade.

Juliana Lopes Chagas -Homenageada pelo vereador João Tardetti (PSB) – Histórico: natural de Alegrete, veio morar em Cachoeirinha aos seis anos. Atualmente é presidente do CPM da Escola Mario Quintana, utilizando seus conhecimentos na área da saúde, que além de uma profissão é uma paixão. É uma mulher engajada e atuante no que se trata do bem-estar das crianças e adolescentes dentro da comunidade escolar. Continua se aperfeiçoando e se formará bombeira civil.

Maria de Fátima de Souza Gubert- Homenageada pela vereadora Jussara Caçapava (PSB) – Histórico: natural da cidade Santa Rosa do Sul, mora em Cachoeirinha há 50 anos. É servidora pública municipal há 33 anos, foi pioneira no posto Nova Cachoeirinha, em seu bairro. Até hoje é procurada pelos moradores para orientação na área de saúde, da mulher, apoio aos deficientes, sendo referência no bairro em que reside.

Renata Reis Monteiro- Homenageada pelo vereador Luis Henrique Tino (MDB) –Histórico: É psicopedagoga, especialista em orientação educacional e funcionária pública atuando na sala dos conselhos. Trabalha há anos com a inclusão. Neste ano, prepara-se para o lançamento do seu primeiro livro Superando Desafios, que será lançado, em breve. É tão engajada na luta que vem formando várias parcerias para proporcionar momentos de cultura, lazer e diversão aos PCDs da cidade.

Rosane Lipert -Homenageada pela vereadora Jack Ritter (PSB) –Histórico: Atuou como líder comunitária participando de vários conselhos de direitos. Foi conselheira tutelar por dois mandatos e vereadora por três. Suas bandeiras eram bem definidas, uma delas a luta permanente pelos Direitos da Mulher com projetos que vão ao encontro da garantia pela dignidade na saúde, educação, moradia, transporte, inclusão produtiva, etc.

Teresinha Schneider Schweigert -Homenageada pelo vereador Ibaru Rodrigues (PSB) –Histórico: natural de Três Passos, é comerciante há 25 anos em Cachoeirinha. Desde muito cedo, percebeu que olhar para o próximo faz a diferença na vida das pessoas. Mudando a realidade de vida de cada um e fortalecendo a autonomia dos cidadãos, acredita na transformação social. Cumpre o seu papel com amor e cumplicidade, sempre generosa e solidária.

Terezinha José Silveira Woloski -Homenageada pelo vereador Cristian Wasem (MDB) –Histórico: Chegou em Cachoeirinha com quatro anos de idade, iniciou seu trabalho voluntário há 42 anos fazendo costura no Lar da Dona Geni. No Lar Nossa Senhora Aparecida, também foi voluntária. Há cerca de seis anos, passou a ajudar pessoas com o empréstimo de cadeiras de rodas, camas hospitalares e andadores, além de muletas de botas e colchões.

Valdemarina Pacheco da Silva – Homenageada pelo vereador Edson Cordeiro (PRB) – Histórico: Mora na cidade há 39 anos. Está sempre presente nas bases de luta por uma sociedade mais justa, acreditando no poder das mulheres e na erradicação de qualquer forma de preconceito. Profissional da área industrial, trabalhou por 33 anos como costureira. Com 57 anos, formou-se no Ensino Fundamental. É uma pessoa sábia que faz da sua casa extensão dos outros lugares.

E as indicadas pelo Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (COMDIM):

Ana Maria de Abreu Freitas

Histórico: Moradora de Cachoeirinha, é esteticista. Frequenta a AD 55 e junto com o pastor Alex foi uma das executoras do Centro de Acessibilidade e Inclusão Social. Inicialmente, seu foco eram as crianças e adolescentes, mas percebeu que as mães e avós responsáveis também necessitavam de acolhimento e cuidados. Auxilia em todas as atividades do projeto.

Andreia Ribeiro Piagente

Histórico: Aos 17 anos, conheceu a Associação dos Classificadores de Resíduos Recicláveis (Acrer) onde começou a exercer o seu trabalho. Se afastou por cerca de cinco anos e retornou quando a associação iria fechar. Começou a trabalhar para o aumento da renda dos associados com foco nas mulheres nos dias atuais e ampliando para diversos campos.

Ane Abrão

Histórico: Mãe da Manuela e do Miguel, cristã, pastora da Igreja do Evangelho Quadrangular. Em 2015, descobriu que o filho era autista e acabou fazendo da sua dor uma missão. Junto com outras mães e pais, fundou a Associação Pais e Amor, que tem como prioridade dar apoio às famílias dos autistas. Tinha um grupo de terapia para mães que parou no final do ano, mas deve voltar. É voluntária do Resgate Vida.

Débora Escobar Peres Alves

Histórico: Natural de Porto Alegre, tem 41 anos e vive em Cachoeirinha há 40. Mãe de um adolescente de 14 anos. Trabalha de forma voluntária na Penitenciária de Segurança Feminina Madre Pelletier, na realização de visitas pastorais. Na igreja AD 55, realiza aconselhamentos femininos e familiares e é palestrante do projeto Escola da Vida.

Rochele Oliveira Silva

Histórico: Aos 31 anos, é advogada, membro da Comissão Estadual da Mulher da OAB/RS e integrante do grupo de trabalho Gênero e Raça da OAB/RS além de diversos grupos de trabalho na instituição. Palestrante de diversos eventos ligados aos direitos sociais, empoderamento feminino, Lei Maria da Penha. Participou de rodas de conversas e de congressos que valorizam a mulher.