Inter vence Figueirense fora de casa e sobe na tabela - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Cuesta marcou o primeiro - Foto: Ricardo Duarte/Inter

Inter vence Figueirense fora de casa e sobe na tabela

O Internacional conquistou importante vitória fora de casa na noite desta terça-feira, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, ao bater o Figueirense por 2 a 1, com gols de Víctor Cuesta e Diego. O triunfo no Orlando Scarpelli deixou o time colorado na quinta posição, com oito pontos. No sábado (10/6), o desafio é contra o Náutico, às 16h30, no Beira-Rio.

Time misto em Floripa

Publicidade

Com seis jogadores titulares poupados da partida, mas que permaneceram treinando forte no CT do Parque Gigante, inclusive sob comando de Guto Ferreira, que viajou para a capital catarinense somente na tarde desta terça-feira-, o Inter teve uma escalação diferente contra o Figueirense. Na zaga, Danilo Silva formou dupla com o argentino Víctor Cuesta. Junio e Carlinhos atuaram nas laterais. O meio-campo teve Charles, Fabinho e Roberson, e a linha mais adiantada foi formada por William Pottker, Carlos e Brenner.

Cuesta abre o placar de cabeça

Disputado em um gramado pesado por conta da forte chuva que caiu em Florianópolis, o confronto começou concentrado no meio-campo e com muita disputa pela bola. O Inter procurava manter as linhas altas, marcando forte a saída de bola do adversário.

Publicidade

No entanto, foram os donos da casa que ameaçaram pela primeira vez, aos 13min, em cruzamento rasteiro e fechado de Robinho que Danilo Fernandes espalmou providencialmente. A resposta colorada, porém, foi letal. Aos 15min, Carlinho cobrou escanteio e Víctor Cuesta saltou alto entre os marcadores para cabecear no cantinho direito e fazer 1 a 0. Foi o segundo gol do zagueiro pelo Inter.

Empate catarinense e jogo morno

Aos 22min, o Figueira empatou: Matheus Pereira cruzou da direita e Henan empurrou, da pequena área, para o fundo do gol. Aos 28min, Juliano soltou a bomba de longe e bola passou por cima do travessão. Depois disso, a partida ficou morna, sem que ninguém conseguisse a finalização.

Mudanças no time

No Iintervalo, Guto Ferreira colocou o meia Juan – oriundo do time Sub-23, mas que já havia feito uma partida pela equipe principal na partida contra o Criciúma, em fevereiro, pela primeira fase da Copa da Primeira Liga – no lugar de Brenner. O ‘prata da casa’ juntou-se a Roberson na missão de abastecer os atacantes Carlos e William Pottker. Porém, o Inter seguiu com dificuldade de concluir em gol.

O Figueirense, por sua vez, teve duas boas chances com Henan. Aos 19min,o atacante cabeceou e a bola passou rente à trave esquerda. Aos 27min, ele cruzou rasteiro e a bola passou em frente à meta defendida por Danilo Fernandes, com muito perigo. Aos 29min, Dudu Vieira arriscou de longe e o goleiro colorado fez grande defesa.

Diego entra e decide para o Inter

Aos 30min, em rápido contra-ataque, Juan passou por três marcadores e tocou para Pottker, que fez a assistência perfeita para Diego marcar o segundo gol do Inter. O atacante havia entrado minutos antes no lugar de Carlos e decidir o resultado da partida.

Os dez minutos finais foram intensos, com chances para ambos os lados. Os catarinenses tentaram o empate aos 35min, em chute de Joãozinho que saiu pela linha de fundo. Aos 38min, o Colorado quase ampliou, em escapada de Pottker que acabou em chute defendido por Thiago Rodrigues. Aos 40min, Junior salvou o Inter, ao tirar a bola de cima da linha do gol após tentativa de Robinho. Um minuto depois, Juan recebeu passe no interior da área, mas chutou por cima do travessão. De qualquer forma, a vitória era do Clube do Povo em Floripa!

Ficha técnica:

Figueirense (1): Thiago Rodrigues; Dudu, Leandro Almeida, Bruno Alves e Iago; Pereira (Luidy), Dudu Vieira (Joãozinho), Juliano (Marco Antônio) e Jorge Henrique; Robinho e Henan. Técnico: Márcio Goiano.

Internacional (2): Danilo Fernandes; Junio, Danilo Silva, Víctor Cuesta e Carlinhos; Charles, Fabinho e Roberson (Valdemir); William Pottker, Carlos (Diego) e Brenner (Juan). Técnico: Guto Ferreira.

Gols: Víctor Cuesta (I), aos 15min do primeiro tempo, Henan (F), aos 22min do primeiro tempo, Diego (I), aos 30min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Leandro Almeida, Dudu (F); Carlos, Carlinhos, Fabinho, Diego (I). Expulsão: Leandro Almeida (F).

Arbitragem: Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Daniel Luis Marques e Ricardo Pavanelli Lanutto (trio de São Paulo).

Local: Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Fonte: Inter

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.