Inter derrota Atlético-GO e larga em vantagem nas oitavas da Copa do Brasil - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Vitória foram de casa - Foto: Ricardo Duarte/Inter

Inter derrota Atlético-GO e larga em vantagem nas oitavas da Copa do Brasil

No Estádio Olímpico de Goiânia, o Inter superou o Atlético-GO por 2 a 1, gols de Leandro Fernández e Moisés para o time de Coudet

O Clube do Povo largou em vantagem na disputa por vaga nas quartas de final da Copa do Brasil! No Estádio Olímpico de Goiânia, o Inter superou o Atlético-GO por 2 a 1, gols de Leandro Fernández e Moisés para o time de Coudet. Com o resultado, o Colorado joga por um empate no confronto de volta, que ocorre na próxima terça-feira (03), às 21h30, no Beira-Rio.

Publicidade

Ritmo intenso para abrir o placar cedo

Escalado com equipe bastante modificada em relação à que atuou no último domingo (25/10), diante do Flamengo, o Inter iniciou a partida decidido a abrir o placar o quanto antes. Levando grande perigo pelos lados do campo, o Clube do Povo criou, logo após o primeiro apito, boas chegadas pela esquerda, com Praxedes e Moisés. Aos 12, porém, o flanco escolhido para atacar foi o direito. Marcos Guilherme tabelou com Rodinei, foi ao fundo e cruzou na medida para Leandro Fernández, de cabeça, abrir o marcador.

Em desvantagem no marcador, os locais trataram de adiantar suas linhas, ocupando o campo ofensivo com maior intensidade. Afora o pênalti cavado por Janderson, inicialmente marcado por Marcelo de Lima Henrique, mas na sequência anulado após consulta ao VAR, o Atlético-GO não criou grande perigo, embora tenha somado faltas na intermediária de defesa do Clube do Povo. Atingida a casa dos 30 minutos de duelo, o Inter retomou as redes da jornada e, com a posse, esfriou o embate, garantindo a vitória parcial para a chegada do intervalo.

Publicidade

Escalado com equipe bastante modificada em relação à que atuou no último domingo (25), diante do Flamengo, o Inter iniciou a partida decidido a abrir o placar o quanto antes. Levando grande perigo pelos lados do campo, o Clube do Povo criou, logo após o primeiro apito, boas chegadas pela esquerda, com Praxedes e Moisés. Aos 12, porém, o flanco escolhido para atacar foi o direito. Marcos Guilherme tabelou com Rodinei, foi ao fundo e cruzou na medida para Leandro Fernández, de cabeça, abrir o marcador.

Em desvantagem no marcador, os locais trataram de adiantar suas linhas, ocupando o campo ofensivo com maior intensidade. Afora o pênalti cavado por Janderson, inicialmente marcado por Marcelo de Lima Henrique, mas na sequência anulado após consulta ao VAR, o Atlético-GO não criou grande perigo, embora tenha somado faltas na intermediária de defesa do Clube do Povo. Atingida a casa dos 30 minutos de duelo, o Inter retomou as rédes da jornada e, com a posse, esfriou o embate, garantindo a vitória parcial para a chegada do intervalo.

Vitória garantida na etapa final

O Atlético-GO reiniciou a partida buscando o empate e, para tanto, apostou em arremates de longa distância e bolas alçadas na área colorada. Perigosas, contudo, as chances criadas pelos locais não superaram Marcelo Lomba. Esperto nos contra-ataques, foi o Inter quem ampliou. Moisés escapou pela esquerda, chamou Leandro Fernández, recebeu a devolução no pivô e, de cara com Jean, finalizou no contrapé.

O gol arrefeceu o ritmo mandante, ao mesmo tempo em que deu maior tranquilidade ao Inter. Já nos instantes finais, porém, Jean, de pênalti, descontou para o Dragão.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.