Inter arrasador vence o Brasil e garante classificação no Gauchão – oreporter.net – Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Alário marcou o primeiro com a camisa do Inter - Foto: Ricardo Duarte/Inter

Inter arrasador vence o Brasil e garante classificação no Gauchão

Com o resultado, Inter segue líder isolado da competição

Com gols de Enner Valencia e Bruno Henrique, além de um gol contra, o Inter venceu o Brasil-PEL no estádio Beira-Rio pela 8ª rodada do Campeonato Gaúcho 2024 nesta quarta-feira (14), e agora é o líder isolado da competição com 19 pontos. Faltando duas rodadas para o final da fase de grupos do Gauchão, o Inter jogará nos próximos dois domingos com Novo Hamburgo e Grêmio.

Publicidade

No primeiro tempo do embate entre o Internacional e o Brasil-PEL, a pressão colorada se estabeleceu desde o início da partida. Logo aos 2 minutos, o Inter teve uma oportunidade perigosa com Alan Patrick, que sofreu falta na entrada da área, Charles Aránguiz cobrou por cima do gol.

Publicidade

E foi aos 8 minutos que a festa começou de verdade. Bruno Henrique descolou um belo passe para Fabrício Bustos, e o lateral argentino cruzou com maestria, no entanto, um infeliz desvio de Gabriel Biteco resultou em um gol contra para o Colorado. Internacional 1 x 0 Brasil de Pelotas.

Aos 14 minutos, Alan Patrick quase ampliou o placar com um chute rasteiro que assustou o goleiro adversário, mostrando o potencial ofensivo do Internacional.

Publicidade

E com toda a pressão colorada, não demorou muito para o segundo gol sair. Aos 17 minutos, Enner Valencia aproveitou um cruzamento preciso de Alan Patrick e estufou as redes, levando a torcida à loucura nas arquibancadas.

Mesmo com dois gols de vantagem, o Internacional continuou pressionando e aos 24 minutos, em uma jogada de puro talento, Lucas Alario deu um passe de calcanhar para Wanderon, que por pouco não marcou o terceiro gol, deixando os torcedores empolgados com a plasticidade do lance.

Apesar da pressão intensa, aos 31 minutos, Enner Valencia teve um lance anulado de forma controversa pela arbitragem, que marcou um impedimento inexistente.

Mas chances não paravam de surgir para o Internacional. E os 36 minutos, Lucas Alario finalmente deixou sua marca, após uma bela jogada construída por Bruno Henrique e Wanderson, mostrando muita qualidade na finalização. O camisa 8 colorado fez um belo lançamento para o ponta colorado que escorou a bola para El Pipa soltar a bomba.

Ainda antes do apito final do primeiro tempo, Vitão arriscou um chute de longa distância, obrigando o goleiro do Brasil-PEL a fazer uma grande defesa. E assim, aos 45 minutos, Aránguiz sofreu falta na meia direita, deixando Alan Patrick na bola para mais uma oportunidade de perigo para o Internacional antes do final do primeiro tempo. Na cobrança, o 10 colorado acaba chutando por cima do gol.

No segundo tempo, a intensidade do jogo entre Internacional e Brasil-PEL diminuiu. E apesar de algumas chances claras de gol, o Inter não acelerou tanto a partida na segunda etapa. Logo aos 3 minutos, Lucas Alario teve uma oportunidade clara de marcar após uma bela jogada de Wanderson pela ponta esquerda, porém, o chute acabou indo por cima do gol.

Aos 9 minutos, Alan Patrick fez um passe magistral para Bruno Henrique na ponta direita, mas o cruzamento do camisa 8 do Inter foi interceptado pelo goleiro Gabriel, impedindo que a jogada se transformasse em gol.

O Internacional continuou pressionando e aos 12 minutos, Gabriel Mercado cabeceou para fora após uma cobrança de falta precisa de Alan Patrick, deixando escapar mais uma oportunidade de ampliar o placar. Aos 14 minutos, após uma cobrança de escanteio, Charles Aránguiz encontrou Wanderson no segundo poste, mas o cabeceio do camisa 11 foi para fora, frustrando os torcedores colorados que ansiavam por mais gols.

Três minutos depois, Vitão sofreu uma falta dura na entrada da área, dando ao Internacional outra chance de ouro para aumentar sua vantagem. Alan Patrick cobrou a falta com perigo, mas a bola não encontrou as redes adversárias.

Aos 20 minutos, Renê cruzou na medida para Enner Valencia, que por pouco não marcou. Aos 29 minutos, em uma bela descida do Inter, Enner Valencia cruzou para área e a bola sobrou para Hyoran, que chutou com precisão, mas a bola teimava em entrar.

Aos 31 minutos, Enner Valencia fez um jogada de linha de fundo e cruzou para a área, Alan Patrick tentou a finalização de esquerda, mas a defesa pelotense conseguiu afastar o perigo.

Aos 39 minutos, Vini Charopem avançou pela direita e bateu cruzado, e após rebatida de Anthoni para o meio da área, Marcinho empurrou para o fundo do gol, diminuindo a vantagem do Internacional e dando esperanças ao Brasil-PEL.

No entanto a partida já estava encaminhada para o Inter. Mas ainda houve tempo para aos 43 minutos, Hyoran quase marcar um gol espetacular, e aos 46 minutos, Maurício também teve uma chance clara, mas a bola acabou subindo demais, encerrando o jogo com uma vitória tranquila para o Internacional.

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.