Homologado decreto de situação de emergência para Gravataí – oreporter.net – Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Os agentes de trânsito ajudaram na reconstrução da cidade - Foto: Cleonilda Silva/PMG

Homologado decreto de situação de emergência para Gravataí

Município enviou as documentações dentro dos prazos legais e está aguardando reconhecimento do Governo Federal

Gravataí –  A Defesa Civil do município, recebeu nesta quinta-feira (22), do Governo do Estado, a homologação do decreto de situação de emergência, por conta da tempestade do dia 16 de janeiro. O município, que enviou todas as documentações dentro dos prazos legais, agora aguarda o reconhecimento do Governo Federal para conseguir acesso a 100% dos recursos que o decreto possibilita.

Publicidade
Publicidade

A medida faz parte das ações emergenciais tomadas durante e após o desastre, com o objetivo de dar assistência à população. A homologação traz segurança jurídica e garante que a comunidade já possa dispor de recursos e programas de auxílio estaduais e federais já existentes.

Publicidade

O prefeito Luiz Zaffalon afirma que Gravataí segue se reconstruindo e que o governo municipal continua trabalhando, investindo e estudando a reconstrução do município. “Nós agradecemos à comunidade pela compreensão. Reconstruir a cidade, pela terceira vez, não é fácil. Passamos por três eventos climáticos muito severos e ainda percebemos os estragos. No entanto, nossa gestão está focada em resolver estas questões, com conhecimento técnico e de forma responsável”, explica.

Zaffalon reitera que a Prefeitura tem trabalhado para entender este novo momento, com tantas mudanças climáticas e como isso interfere no município. Nesse sentido, uma das ações, ainda na semana do dia 16 de janeiro, foi a criação de um Centro de Comando Integrado, para melhor atender a população em momentos de crise.

Publicidade

Além disso, na quarta-feira (21), a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (Codes) reuniu pesquisadores internacionais, representantes da Secretaria do Meio Ambiente, Corsan e RGE se uniram para debater o tema e alinhar estratégias para o futuro.De acordo com o oficial da Guarda Municipal e coordenador da Defesa Civil, Paulo Roberto, Gravataí está na “fase de resposta”. “O evento foi de uma magnitude extrema, ainda estamos trabalhando para recuperar 100% a cidade e o pedido de situação de emergência faz parte destas ações. É importante a população saber que cumprimos todos os prazos e que estamos mobilizados desde a data do ocorrido. Nossas equipes, tanto jurídica, quanto de ação, na rua, seguem trabalhando”, afirmou.

A partir do reconhecimento no Diário Oficial da União, etapa que precisa passar pelo Governo Federal, a população terá acesso a outros benefícios, como o saque calamidade do FGTS.

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.