Grêmio vence Ferroviário e avança na Copa do Brasil – oreporter.net – Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Vitória em casa contra o Ferroviário - Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio vence Ferroviário e avança na Copa do Brasil

O próximo adversário será definido por sorteio, que será realizado pela CBF

O Grêmio segue em busca do hexacampeonato da Copa do Brasil. Na noite desta quinta-feira, 16, com a presença de mais de 28 mil gremistas, o Tricolor venceu o Ferroviário pelo placar de 3 a 0 e avançou para a terceira fase da competição. Os gols do Clube foram marcados por Bruno Alvez, Luis Suárez e Ferreira. 

Publicidade

Invicto em 2023, a equipe de Renato Portaluppi conhecerá o próximo adversário por meio de sorteio, que será realizado pela Confederação Brasileira de Futebol, CBF, em data a ser divulgada.  Com força máxima, o Tricolor iniciou a partida trocando passes rápidos no ataque. Por conta disso, o Ferroviário priorizava a marcação e recuava.  

Publicidade

A primeira chegada perigosa Tricolor veio aos seis, com Vina. O camisa 11 recebeu pelo meio, de Cristaldo, e chutou firme, fazendo o arqueiro defender. Um minuto depois, mais uma grande oportunidade para o Grêmio. Dessa vez, Pepê finalizou e, mais uma vez, Douglas espalmou.  

 O Ferroviário jogava no contra-ataque. Com 11’ jogados, Pulga, pela esquerda, tocou por baixo de Adriel. O zagueiro Bruno Alves estava lá para tirar a bola e afastar o perigo.  Após o susto, o Tricolor voltou a pressionar e dominar a partida. Aos 14’, Luis Suárez tentou deixar sua marcar, após um chute dentro da área, mas o goleiro ficou com a bola. O ponteiro passava dos 16’, quando Vinícius colocou a mão na bola dentro da área. A arbitragem marcou pênalti. Suárez bateu, mas o arqueiro conseguiu espalmar. 

Publicidade

 O time gremista seguiu em cima, buscando o primeiro gol e dominando as ações no ataque. Aos 21’, El Pistolero teve outra grande oportunidade. Cristaldo acionou o camisa 9, que bateu colocado, mas a finalização pegou nas redes pelo lado de fora.  Só dava Tricolor. Com 22’, a bola sobrou para Reinaldo na esquerda. O lateral tentou o chute rasteiro e cruzado, que passou muito perto da trave.  

Com meia hora de jogo, o Grêmio, que já era superior, passou a contar com mais chances perigosas. Primeiro, aos 31’, Cristaldo encontrou Bitello, que bateu firme, mas o arqueiro defendeu. Logo depois, aos 34’, Vina cruzou rasteiro para Suárez, que pegou de primeira, mas o arqueiro, novamente conseguiu afastar.  Aos 41’, o travessão salvou o adversário. No lance, Cristaldo bateu de dentro da área e a bola pegou na trave. Logo depois, mais uma vez Suárez finalizou, mas Douglas defendeu.  A insistência deu resultado nos acréscimos. Após cobrança de falta de Cristaldo, a bola foi na cabeça de Bruno Alves, que estudou as redes.  

 O Grêmio voltou para a segunda etapa sem modificações. Em um primeiro momento, o Ferroviário até tentou pressionar e atacar o Tricolor, mas sem perigo.  Não demorou muito para o Grêmio começar a se impor na partida. A primeira chegada foi aos três minutos. Bitello, pela direita, chutou e tentou encobrir o goleiro, mas a bola foi para fora.  

Com oito jogados, Adriel brilhou. Após bate e rebate na área da equipe gremista, o arqueiro conseguiu defender. Logo depois, mais uma vez, o Grêmio foi para cima com perigo. Suárez finalizou de letra, mas a bola foi para fora.  Para a noite ficar perfeita, faltava o gol do artilheiro. Aos 10’, ele veio. Dentro da área, o camisa 9 driblou a defesa e chutou rasteiro, sem chances para o goleiro adversário.  Querendo mais, o Grêmio seguiu pressionando. Com 14’ jogados, Bruno Alves buscou o drible dentro da pequena área. No lance, o zagueiro caiu, pediu pênalti, mas a arbitragem nada marcou. Dois minutos depois, o Ferroviário tentou o chute, mas a tentativa foi para fora. 

O ponteiro passava dos 19’, quando Renato Portaluppi promoveu as primeiras trocas no Clube. Villasanti entrou na vaga de Pepê e Ferreira na de Vina. Três minutos depois, a dupla, que recém entrou, já participou de uma jogada. Villasanti passou para Ferreira, que buscou tocar por cima do goleiro, mas a finalização foi para fora. 

O camisa 10 também queria deixar sua marca. Aos 27’, Cristaldo bateu forte e Douglas espalmou. Na sobra, Ferreira não desperdiçou e ampliou o placar. Após o gol, mais duas modificações. Suárez e Fábio saíram para as entradas de Diego Souza e Thaciano. O ponteiro passava e o jogo seguia com as mesmas características, com chegadas esporádicas do Ferroviário, sem perigo. Renato promoveu a última troca aos 34’. Zinho entrou na vaga de Cristaldo. Depois de entrar, Zinho já tentou a primeira ação, avançando pela esquerda, mas o garoto tricolor acabou deixando a bola escapar. 

Com 40’ jogados, o Tricolor perdeu outra grande tentativa. Zinho cruzou e a bola acabou sobrando para Ferreira, que bateu, mas Douglas salvou. Não deu tempo para mais. Final de jogo: Grêmio 3×0 Ferroviário.  O próximo desafio do Grêmio será pela semifinal do Campeonato Gaúcho. O Tricolor encara o Ypiranga, fora de casa, domingo (19), às 16h. 

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.