Grêmio anuncia acordo e Felipão deixa o comando técnico - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Felipão deixa o Grêmio na vice-lanterna - Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio anuncia acordo e Felipão deixa o comando técnico

Anúncio do desligamento aconteceu na madrugada desta segunda-feira (11) depois de nova derrota no Brasileirão

Publicidade

Luiz Felipe Scolari, o Felipão, não é mais o treinador do Grêmio. O acordo para a saída do treinador foi anunciado pelo Tricolor em seu site no início da madrugada desta segunda-feira (11) depois de nova derrota no Brasileirão. Já nos acréscimos, o Santos levou a melhor na partida deste domingo vencendo por 1 a 0 com gol nos acréscimos que precisou ser checado pelo VAR.

Com a derrota, o Tricolor segue na Zona de rebaixamento, agora na vice-lanterna, com 23 pontos. Mesmo que vence sua partida contra o Fortaleza, na quarta-feira, fora de casa o time não sai do Z4 do Brasileirão. Depois da derrota para o Santos, Felipão e o presidente do Clube, Romildo Bolsan, concederam entrevistas coletivas, mas nenhum deu sinal de que havia um acordo para a sua saída.

Publicidade

Nas redes sociais, a torcida se revoltou com mais uma derrota e pediu a demissão do treinador. O acordo para a saída vem sendo adotado pelos clubes devido ao impedimento de mais de um desligamento durante a competição. Na prática, o Grêmio o demitiu e chegaram a um entendimento para o acordo. Felipão ficou três meses no Grêmio e somou nove vitórias, nove derrotas e três empates em 21 jogos. Quando ele chegou, o Grêmio estava na lanterna. Essa foi a quarta passagem do técnico pelo Grêmio.

Aos 72 anos, Luiz Felipe Scolari também já esteve no Imortal em 2014 a 2015, em 1993 a 1996, quando foi campeão da Copa do Brasil, da Libertadores e do Campeonato Brasileiro, e em 1987 a 1988. Não há ainda um substituto. Roger teria sido tentado, mas recusou o convite por preferir começar um trabalho apenas em início de temporada.

Publicidade

Confira a Nota Oficial do Grêmio:

O Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense informa que, após reunião esta noite, chegou a um comum acordo com o técnico Luiz Felipe Scolari para o encerramento do vínculo. Felipão deixa o Grêmio com os auxiliares Carlos Pracidelli e Paulo Turra e o preparador físico Anselmo Sbragia. 

Nesta quarta passagem pelo Tricolor, o técnico bicampeão da América tornou-se o segundo treinador com mais jogos à frente do Grêmio, completando 385 partidas na casamata. No último mês, perpetuou-se na história gremista ao marcar seu nome na Calçada da Fama. 

O Clube agradece o comprometimento e respeito do técnico e sua equipe com a instituição durante o período de trabalho. Ao mesmo tempo, Luiz Felipe deixa registrado o seu agradecimento ao Grêmio: “e continuarei sendo gremista, como sempre fui e sempre serei”.

error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.