Empate sem gols marca partida do Grêmio contra o Brasil de Pelotas - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí

Empate sem gols marca partida do Grêmio contra o Brasil de Pelotas

Em jogo contra o Brasil de Pelotas, no Estádio do Bento Freitas, valendo a  7ª rodada do Campeonato Gaúcho, Tricolor foi a campo com time misto e o comando do auxiliar técnico Victor Hugo Signorelli. Jogo no primeiro tempo foi bastante disputado, com muitos lances de desarmes e criação de chance de gol. Do lado do Tricolor houve muito controle de bola e triangulação na tentativa de não dar espaço para o Xavante, mas mesmo assim sem conseguir a conversão em gol. As três chances nasceram nos pés do atacante Pepê, que pararam nas mãos do goleiro adversário. Com o resultado, Grêmio soma um ponto, segue invicto na competição e na liderança isolada, com 17 pontos.

Primeiro Tempo
Grêmio inicia jogo sem nenhuma pressa. Mas logo em seguida cadencia a jogada com passes mais rápidos e curtos tentando avançar pelo campo do Pelotas. Aos 4′, Michel desliza num carrinho para impedir que Branquinho chegasse próximo do gol na primeira chegada do adversário à área do Tricolor.

Aos 8′, Grêmio tenta investida pela esquerda, com cruzamento de Rômulo, mas a bola é bloqueada por  Bruno Aguiar cavando um escanteio. Primeiro tempo chega aos 15´, com muitos desarmes e sem chance de finalização.
Aos 18′, Jean Pyerre arriscou de longe, mas acabou mandando por cima do gol.

Com 21′ de bola rolando, Capixaba tenta tabelar  com Pepê na linha de fundo, mas acaba desarmado. Em seguida, Vizeu faz o pivô e toca para Pepê, que repassa para Michel chutar na rede, só que a bola morre pelo lado de fora.
Aos 23′, chance de o Brasil abrir o marcador com  Daniel Cruz chutando cruzado e a  bola raspando a  trave do goleiro Júlio César.

Aos 33′, Pepê recebe de costas dentro da área, se livra da marcação e chuta, mas Carlos Eduardo defende para o Xavante. Aos 34′, nova chance de Pepê, desta vez pela esquerda. Atacante gremista tenta finalizar, mas Carlos Eduardo faz defesa  com os pés.Já aos 39′, o árbitro Jonathan Pinheiro amarela dois jogadores, Juninho Capixaba e Daniel Cruz por briga  no meio-campo antes de cobrança. Primeiro tempo segue quente até os 47 minutos, com 0 x 0 no Bento Freitas.

Segundo Tempo
Tricolor retorna a campo sem nenhuma alteração.  Aos 5′ do tempo complementar, Rômulo sofre falta no meio-campo. Na cobrança, Michel cobra mas bola sai pela linha lateral.Aos 7′, Vizeu rouba a bola e parte para jogada individual, mas acaba sendo desarmado na entrada da área; Brasil de Pelotas se apresenta mais fechado neste segundo tempo e Grêmio fica sem conseguir avançar pelo meio-campo.

Já aos 13′, Pepê tem mais uma chance de gol no total da partida ao receber lançamento longo de Capixaba dentro da área e tenta superar Carlos Eduardo, que acaba de novo ficando com a bola. Aos 18′, Signorelli faz a primeira troca no Grêmio: Sai Montoya e entra Everton. Na sequência,  Vizeu recebe na entrada da área, limpa o lance e chuta por cima do gol de Carlos Eduardo.Grêmio já consegue furar os bloqueios impostos pelo Xavante mas sem chance de ainda abrir o placar;

Aos 29′, Everton dá um corte seco no marcador e chuta colocado, no canto esquerdo de Carlos Eduardo.Aos 34′,Juninho Capixaba, numa dividida com o atacante Branquinho, recebe mais um cartão amarelo do árbitro Jonathan Pinheiro e acaba expulso do jogo. Decisão  força Signorelli a fazer segunda mudança, colocando Marcelo Oliveira em campo.

Aos 45′, Paulo Miranda marca bobeira e precisa fazer falta em Michel, perto da entrada da área. Lance resulta em cartão amarelo também para o zagueiro gremista. Jogo vai até os 49´ e acaba empatado em Pelotas.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.