Com gols de Pepê e Diego Souza, Grêmio vence o Botafogo por 3 a 1 - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Em casa, o Grêmio venceu o Botafogo - Foto: Lucas Uebel/Divulgação

Com gols de Pepê e Diego Souza, Grêmio vence o Botafogo por 3 a 1

Tricolor superou a equipe carioca e soma três pontos na competição

Jogando na Arena, o Grêmio enfrentou o Botafogo, na noite desta quarta-feira (14), em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo com Diego Souza expulso na etapa complementar, o Tricolor venceu por 3 a 1 o time carioca, com gols do centroavante, anotado no primeiro tempo e de Pepê, por duas vezes, no segundo.

Publicidade

Com o retorno do zagueiro Geromel, recuperado de Covid-19 e de Matheus Henrique, que cumpriu suspensão na última partida, Renato contou com quase todo o grupo a disposição. Colocou em campo Vanderlei, Victor Ferraz. Geromel, Rodrigues, Diogo Barbosa, Matheus Henrique, Maicon, Robinho, Alisson, Pepê e Diego Souza.

O jogo com equilibrado e disputado, mas uma das primeiras oportunidades de gol saiu do lado carioca, quando após um cruzamento na área, Caio Alexandre arrematou próximo a meia-lua, mandando à direita do gol.

Aos 4 minutos, o Grêmio fez uma grande jogada e levou perigo a meta adversária. Matheus acionou Victor Ferraz à direita, na linha de fundo. O lateral fez o cruzamento no segundo poste, Diego Souza subiu, mas a zaga desviou e afastou o perigo. Ainda no ataque, agora em cobrança de escanteio, Robinho colocou na área, a bola passou por todo mundo e chegou aos pés de Alisson, que finalizou, mas bateu fraco, para a defesa de Cavalieri.

Publicidade

O Tricolor chegou novamente próximo aos 10’, quando Alisson fez boa jogada individual, passou pela marcação e tentou a finalização por cobertura, mas pegou mal e a bola saiu. Outra chance saiu dos pés de Victor Ferraz, que fez um cruzamento buscando Diogo Barbosa, mas o lateral subiu junto com Kevin e a bola se perdeu pela linha de fundo.

Passados 25’, o Botafogo chegou com Guilherme Santos, que deu um passe para Rentería,  finalizar de fora da área e mandar pra fora. O Grêmio conseguiu abrir o placar na Arena aos 33 minutos, quando Robinho, pela direita, fez um cruzamento no meio da área. Alisson escorou para Diego Souza mandar para o fundo do gol, colocando o Tricolor na frente. 

Quase que o Tricolor ampliou minutos depois – Diego Souza cruzou da esquerda, a bola desviou na zaga e Alisson tentou concluir, mesmo sem ângulo. A bola bateu na rede, pelo lado de fora. O Botafogo conseguiu empatar a partida aos 40 minutos, após uma cobrança de falta. A bola foi colocada no segundo poste, Pedro e Victor Ferraz dividiram e ela sobrou para Matheus Babi, que mandou para o fundo das redes.

O Grêmio voltou igual para o segundo tempo e logo foi efetivo, em sua primeira chegada ao ataque. Depois de uma bola bem trabalhada, Diego deu assistência de costas para o gol para o camisa 25 soltar uma bomba e estufar as redes, colocando o Tricolor novamente a frente no marcador, aos 2 minutos. Após uma dividida com Guilherme Santos, Diego Souza acabou expulso da partida, por deixar o pé depois do lance no adversário. Diante do cenário, o técnico Renato fez sua primeira alteração, tirando Robinho e colocando Isaque, aos 10’.

Os cariocas tentaram buscar o placar e chegaram com uma jogada de Rhuan pela esquerda, que cruzou na área. A bola sobrou para Pedro Raul, que tentou de bicicleta, mas a bola foi para fora. Em seguida, foi a vez de Matheus Babi finalizar quase sem ângulo, mas Vanderlei fez a defesa. Com 20 minutos jogados, o Grêmio conseguiu chegar ao seu terceiro gol. Depois de uma jogada rápida, Victor Ferraz acionou Pepê invadindo a pequena área, que recebeu e mandou para o fundo do gol, entre as pernas de Diego Cavalieri, assinalando mais um na partida.

O Botafogo ameaçou e buscou encostar no marcador. Em uma nova oportunidade, Matheus Babi recebeu e rolou para Kalou, que mandou por cima do gol de Vanderlei. Passados 40 minutos, o Tricolor ainda tentou com Pepê, que saiu no contra-ataque, mas acabou parado com falta de Kanu.

Jogando na Arena, o Grêmio enfrentou o Botafogo, na noite desta quarta-feira, em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo com Diego Souza expulso na etapa complementar, o Tricolor venceu por 3 a 1 o time carioca, com gols do centroavante, anotado no primeiro tempo e de Pepê, por duas vezes, no segundo.

Com o retorno do zagueiro Geromel, recuperado de Covid-19 e de Matheus Henrique, que cumpriu suspensão na última partida, Renato contou com quase todo o grupo a disposição. Colocou em campo Vanderlei, Victor Ferraz. Geromel, Rodrigues, Diogo Barbosa, Matheus Henrique, Maicon, Robinho, Alisson, Pepê e Diego Souza.

O jogo com equilibrado e disputado, mas uma das primeiras oportunidades de gol saiu do lado carioca, quando após um cruzamento na área, Caio Alexandre arrematou próximo a meia-lua, mandando à direita do gol.

Aos 4 minutos, o Grêmio fez uma grande jogada e levou perigo a meta adversária. Matheus acionou Victor Ferraz à direita, na linha de fundo. O lateral fez o cruzamento no segundo poste, Diego Souza subiu, mas a zaga desviou e afastou o perigo. Ainda no ataque, agora em cobrança de escanteio, Robinho colocou na área, a bola passou por todo mundo e chegou aos pés de Alisson, que finalizou, mas bateu fraco, para a defesa de Cavalieri.

O Tricolor chegou novamente próximo aos 10’, quando Alisson fez boa jogada individual, passou pela marcação e tentou a finalização por cobertura, mas pegou mal e a bola saiu. Outra chance saiu dos pés de Victor Ferraz, que fez um cruzamento buscando Diogo Barbosa, mas o lateral subiu junto com Kevin e a bola se perdeu pela linha de fundo.

Passados 25’, o Botafogo chegou com Guilherme Santos, que deu um passe para Rentería,  finalizar de fora da área e mandar pra fora.

O Grêmio conseguiu abrir o placar na Arena aos 33 minutos, quando Robinho, pela direita, fez um cruzamento no meio da área. Alisson escorou para Diego Souza mandar para o fundo do gol, colocando o Tricolor na frente. Quase que o Tricolor ampliou minutos depois – Diego Souza cruzou da esquerda, a bola desviou na zaga e Alisson tentou concluir, mesmo sem ângulo. A bola bateu na rede, pelo lado de fora.

O Botafogo conseguiu empatar a partida aos 40 minutos, após uma cobrança de falta. A bola foi colocada no segundo poste, Pedro e Victor Ferraz dividiram e ela sobrou para Matheus Babi, que mandou para o fundo das redes.

O Grêmio voltou igual para o segundo tempo e logo foi efetivo, em sua primeira chegada ao ataque. Depois de uma bola bem trabalhada, Diego deu assistência de costas para o gol para o camisa 25 soltar uma bomba e estufar as redes, colocando o Tricolor novamente a frente no marcador, aos 2 minutos.

Após uma dividida com Guilherme Santos, Diego Souza acabou expulso da partida, por deixar o pé depois do lance no adversário. Diante do cenário, o técnico Renato fez sua primeira alteração, tirando Robinho e colocando Isaque, aos 10’. Os cariocas tentaram buscar o placar e chegaram com uma jogada de Rhuan pela esquerda, que cruzou na área. A bola sobrou para Pedro Raul, que tentou de bicicleta, mas a bola foi para fora. Em seguida, foi a vez de Matheus Babi finalizar quase sem ângulo, mas Vanderlei fez a defesa.

Com 20 minutos jogados, o Grêmio conseguiu chegar ao seu terceiro gol. Depois de uma jogada rápida, Victor Ferraz acionou Pepê invadindo a pequena área, que recebeu e mandou para o fundo do gol, entre as pernas de Diego Cavalieri, assinalando mais um na partida.

O Botafogo ameaçou e buscou encostar no marcador. Em uma nova oportunidade, Matheus Babi recebeu e rolou para Kalou, que mandou por cima do gol de Vanderlei.Passados 40 minutos, o Tricolor ainda tentou com Pepê, que saiu no contra-ataque, mas acabou parado com falta de Kanu.Com o resultado, o Tricolor soma três pontos, chega a 20 pontos, ocupando a 10ª posição na tabela de classificação

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.