Com contágio em alta, Cachoeirinha iguala recorde de casos positivos - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí

Com contágio em alta, Cachoeirinha iguala recorde de casos positivos

Média móvel de casos segue curva ascendente e Boletim Epidemiológico da secretaria municipal da Saúde traz o registro de 91 positivados em um único dia

Cachoeirinha – Dados do Boletim Epidemiológico da Vigilância Epidemiológica da secretaria municipal da Saúde de Cachoeirinha mostra que a curva está ascendente na cidade depois de ter experimentado uma queda nos últimos dias de agosto.

Publicidade

Nesta terça-feira, conforme o último boletim disponibilizado, entraram para as estatísticas 91 casos. O número iguala o recorde do dia 10 de agosto conforme monitoramento realizado pelo site oreporter.net. Durante todo o período da pandemia, somente em 5 e agosto o número de casos registrados em um único dia tinha sido maior, chegando a 97.

O que continua chamando a atenção é o alto número de pessoas aguardando o resultado de exames: são 311.

A média móvel de casos, utilizada por veículos de comunicação no mundo inteiro por suavizar as variações abruptas diárias e quem vem sendo realizada também pelo oreporter.net, aponta um crescimento de 63,19% no número de casos.

Publicidade

O percentual é a média móvel de terça-feira comparada com 14 dias atrás. Conforme especialistas, o quadro de contágio é considerado estável quando a variação é de 15% para mais ou para menos. No gráfico acima, que pode ser visto em detalhes clicando nele, as colunas representam o número de casos por dia e a linha vermelha, a média móvel de 7 dias. Ela é calculada diariamente.

O crescimento na disseminação da doença em Cachoeirinha coincide com a flexibilização de medidas e ao fato de a cidade ficar uma semana na Bandeira Laranja quando não deveria. Nesta terça-feira, contudo, as regras na cidade passaram a ser da Bandeira Vermelha e há uma série de restrições. Lancherias, por exemplo, não podem atender ao público. Já o comércio, por exemplo, não pode abrir depois das 17 horas.

A Prefeitura garante que a fiscalização para o cumprimento das medidas está sendo feita e denúncias podem ser feitas ao  Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) através do telefone 153.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.