Câmara adota ponto eletrônico para CCs - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Fernando Medeiros: quem faltar e não justificar terá desconto no salário - Foto: Arquivo

Câmara adota ponto eletrônico para CCs

Medida já está em vigor desde o dia 15 de setembro e vem gerando descontentamento entre alguns contratados que costumavam faltar

Cachoeirinha – A Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Cachoeirinha, formada por três vereadores de primeiro mandato, decidiu adotar o ponto eletrônico para os ocupantes dos Cargos em Comissão. São cinco em cada gabinete e mais os cargos sob responsabilidade da Mesa Diretora.

A medida entrou em vigor no dia 15 de setembro e gerou certo desconforto entre alguns CCs que não costumavam cumprir expediente diariamente dentro dos gabinetes dos parlamentares. Um CC, que pediu para ter sua identidade preservada, revela que era comum alguns colegas de outros gabinetes aparecerem de vez em quando na Câmara. “Tem muita gente reclamando e vereador tendo que fazer as justificativas pelas faltas.”

Pela Resolução Legislativa 19, cabe aos parlamentares fazerem as justificativas para as ausências. Já para os cargos da Mesa Diretora, a responsabilidade é do Diretor Geral. É comum no Legislativo haver o preenchimento das vagas para atender compromissos com cabos eleitorais.

Controle do ponto é biométrico – Foto: Roque Lopes/oreporter.net

“Poucos vereadores se preocupam em contratar pessoas qualificadas para o desempenho da atividade dentro do Legislativo, capazes de dar um suporte mais adequado para a série de demandas que fazem parte da rotina de um gabinete. Há funções que são mais políticas, de relacionamento com os eleitores, mas há outras que estão mais ligadas às atividades legislativas e se a pessoa tiver um conhecimento da área traz uma qualidade maior para o trabalho do vereador”, argumenta outro CC, este responsável por assessorar um parlamentar, que também pediu para ficar no anonimato.

Segundo o presidente da Câmara, Fernando Medeiros, a Mesa Diretora decidiu adotar o ponto eletrônico para melhorar a gestão de pessoal no Legislativo. Ele destaca que a medida não inviabiliza a realização de trabalhos externos realizados pelos CCs a pedido dos parlamentares, pois as ausências podem ser justificadas. “A responsabilidade é de cada um dos vereadores. As faltas serão descontadas de todos que não tiverem as ausências justificadas”, afirma.

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.