Cachoeirinha já tem 128 casos de Covid-19 - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí

Cachoeirinha já tem 128 casos de Covid-19

Relatório apresentado na manhã desta sexta-feira (5) pelo prefeito Miki Breier mostra que 90 já estão recuperado

Cachoeirinha – Já são 128 o número de casos de Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, em Cachoeirinha. O número foi relevado na manhã desta sexta-feira (5) pelo prefeito Miki Breier durante a live transmitida pelo Facebook.

Publicidade

Deste  total, 90 pessoas já estão recuperadas e há 38 em recuperação. “Tem mais gente circulando e estamos aplicando mais testes”, disse o prefeito para explicar o número elevado de casos. Já foram aplicados 856 testes.

Com 1,6 mil kits recebidos do Ministério da Saúde e mais 300 exames contratados em um laboratório particular, a Saúde ampliou a testagem passando a aplicar os testes também em quem teve contato direto com uma pessoa contaminada.

O secretário da Saúde, Dyego Matielo, lembrou que por enquanto a estrutura montada em Cachoeirinha está dando conta sem dificuldades de atender as pessoas. Os oito respiradores instalados no hospital de campanha ainda não foram utilizados porque nenhum paciente teve seu quadro de saúde agravado.

Publicidade

Matielo também aproveitou a live para lembrar que a campanha de vacinação continua. Logo no início, houve uma corrida de idosos e a meta chegou a ser ultrapassada em 24%. Nesta nova fase, contudo, destinada para grávidas, quem recém teve filho e crianças até seis anos, a procura pela vacina tem sido baixa. A cobertura até o momento chega a apenas 35%. No geral, a cidade já atingiu 76% da meta de imunização, que é de 90% de cada grupo.

A vacinação é importante, conforme o secretário, porque além de diminuir a circulação do vírus H1N1, facilita a identificação de casos suspeitos de Covid-19. Quem apresenta sintomas gripais e fez a vacina, segundo ele, merece um olhar diferenciado das equipes de saúde, pois poderá ter sido infectado pelo novo coronavírus.

Clique aqui para baixar o aplicativo ou se cadastrar

Matielo lembrou ainda que as pessoas devem baixar o aplicativo do coronavírus e fazer o cadastro. Uma equipe monitora todos os casos e havendo necessidade o paciente é orientado ou visitado para ser submetido ao teste.

Publicidade
Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.