Após repercussão negativa, vereadores piqueteiros mudam discurso - oreporter.net - Notícias de Cachoeirinha e Gravataí
Marco Barbosa, Edison Cordeiro e Ibaru Rodrigues gravaram vídeo defendendo proposta - Foto: Reprodução

Após repercussão negativa, vereadores piqueteiros mudam discurso

Vereadores haviam gravado um vídeo onde propunham a realização de uma Ronda Virtual citando recursos disponíveis da Lei Aldir Blanc destinada a trabalhadores da área cultural

Cachoeirinha – Os vereadores Marco Barbosa e Ibaru Rodrigues não pediram recursos da lei Aldir Blanc, destinada para socorrer trabalhadores da área cultural, para a realização de uma Ronda Virtual durante a Semana Farroupilha. Os parlamentares, ao lado do presidente da Câmara, Edison Cordeiro, gravaram um vídeo falando sobre os R$ 885,4 mil que Cachoeirinha receberá para socorrer um dos setores mais afetados pela pandemia e destacando que iriam conversar com o secretário da Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, Rodrigo Silveira, para saber como os piquetes poderiam se inserir em uma Ronda Virtual.

Publicidade

A repercussão foi negativa no meio cultural gerando preocupação sobre uma possível má utilização de recursos destinados pela União para amenizar um setor que está impedido de trabalhar por conta das restrições impostas para o enfrentamento do novo coronavírus. Marco Barbosa chegou a excluir o vídeo da sua página no Facebook e na Tribuna da Câmara na última terça-feira usou parte do seu espaço para ofender colunista de oreporter.net dizendo que ele era um pseudojornalista.

O colunista criticou a intenção demonstrada no vídeo de os vereadores usarem recursos da Lei Aldir Blanc para beneficiarem seus piquetes sem demonstrarem nenhuma preocupação com as empresas e pessoas que estão sem renda por conta da pandemia.

Conforme o secretário da Cultura, a reunião realizada no início da tarde desta quarta-feira (2) tratou da Semana Farroupilha. Piqueteiros queriam saber se poderiam realizar alguma atividade. Silveira contou que disse a eles que um projeto deverá ser apresentado para ser avaliado e que todas as regras previstas no Distanciamento Controlado devem ser seguidas.

Publicidade

A realização de uma Ronda Virtual, como comentada pelos vereadores no vídeo, caso fosse realizada, não poderia ter o uso de recursos da Lei Aldir Blanc. Isto, contudo, segundo o secretário, não impede que os piquetes elaborem projetos culturais havendo uma contrapartida que pode ser executada após a pandemia. Dos R$ 885,4 mil previstos para Cachoeirinha, 20% do valor pode ser destinado para esta área. O restante servirá para socorrer CNPJs, sendo permitido utilizar a sobra para projetos culturais. Os interessados deverão comprovar dois anos de atividades culturais.

Para a Semana Farroupilha, segundo o secretário, estão sendo definidas quais atividades serão realizadas de 19 a 30 de setembro. O Parcão poderá receber um drive-in nos moldes do realizado pelo Sesc. Haveria uma empresa interessada em executar a atividade. Lives também poderão acontecer. Os recursos para estas ações não são da lei Aldir Blanc.

Publicidade

Compartilhe essa notícia
error: Não autorizamos cópia do nosso conteúdo. Se você gostou, pode compartilhar nas redes sociais.